Lucas Lima - Santos (foto:Ivan Storti/Santos)

Lucas Lima corre contra o tempo para ter condições de jogar a final na Vila Belmiro (foto:Ivan Storti/Santos)

Léo Saueia e Russel Dias
03/05/2016
06:05
São Paulo e Santos (SP)

Após deixar o Estádio José Liberatti apoiado em muletas e com o tornozelo direito imobilizado, o meia Lucas Lima passou por exame de imagem na tarde desta segunda-feira e teve detectado estiramento do ligamento do lado interno do tornozelo, além de um edema.

O camisa 20, contudo, já iniciou tratamento ainda na segunda, dia de folga do elenco, visando sua recuperação para a grande decisão do Paulistão, no próximo domingo. O departamento médico do Peixe não descarta que o camisa 20 consiga se recuperar a tempo da partida. 

Caso Lucas Lima não consiga retomar as condições físicas para o confronto na Vila Belmiro, porém, o também meia Ronaldo Mendes está de prontidão e será o substituto.

Embalado por ter balançado as redes na Copa do Brasil e no primeiro jogo da decisão do Paulista, e com a confiança da comissão técnica, Ronaldo conta ainda com um retrospecto histórico da equipe para substituir o armador titular à altura: desde 2015, o Santos não é derrotado em uma partida sem Lucas Lima em campo.

Seja por suspensão, convocação para a Seleção Brasileira ou até mesmo poupado para evitar eventuais lesões musculares, o maestro perdeu 11 jogos desde 2015, quando tornou-se "intocável" na equipe do Peixe. No total, foram sete vitórias e quatro empates.

Incluindo Paulistão, Brasileirão, Copa do Brasil e o atual Estadual, o Peixe bateu Corinthians, Chapecoense, Figueirense, Sport, São Paulo, Água Santa e Santos-AP sem o jogador. 

Com ou sem Lucas Lima, há motivos para otimismo do torcedor santista. 

2015
Um dos principais jogadores do Santos durante o ano passado, o meia Lucas Lima desfalcou o Peixe em apenas sete partidas na temporada, incluindo as disputas de Paulistão, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. Destas, o Alvinegro venceu cinco e empatou apenas duas, sem amargar nenhuma derrota sem o camisa 20.

2016
Seja por convocação à Seleção Brasileira, suspensão ou até mesmo para ser preservado por conta de desgaste, Lucas Lima perdeu apenas quatro partidas até aqui na temporada. No período de ausências, o camisa 20 viu as peças de reposição darem conta do recado. Ao todo, são duas vitórias e dois empates.