Cruzeiro x Santos

Santos ainda tem possibilidades matemáticas de conquistar o título (Foto: Dudu Macedo/Fotoarena/Lancepress!)

LANCE!
20/11/2016
20:16
Belo Horizonte (MG)

O volante Renato já jogou a toalha na luta do Santos pelo título brasileiro. No entanto, o mais fanático dos santistas que ainda acredita em duas derrotas do Palmeiras e duas vitórias santistas ganhou um importante apoio: do técnico Dorival Júnior.

Após o empate em 2 a 2 com o Cruzeiro no Mineirão, o treinador descartou a possibilidade de brigar apenas pelo vice-campeonato nacional. Dorival citou outras viradas improváveis no futebol e garantiu ainda acreditar na conquista.

- E não vai abaixar, vamos continuar e brigar até o último momento até a última possibilidade que exista. Acho que já vimos aí grandes viradas em outros momentos e não será diferente. Ninguém sabe o que pode acontecer. Se o Palmeiras confirmar título, ótimo, merecido. Do contrário, estaremos aí. Teremos outra decisão com o Flamengo e não tenho dúvidas de que iremos lá fazer nosso melhor e buscar o melhor resultado. Não estamos abrindo mão, pelo contrário. Vamos acreditar até o último momento. Santos ainda tem reais condições de estar chegando - disse.


E Dorival Júnior não esqueceu o erro da arbitragem, que validou gol irregular de Manoel aos 44 minutos da etapa final. O treinador do Santos criticou a arbitragem e citou que os dois pontos tirados poderiam fazer a diferença na decisão do título.

- Acho que foi um grande jogo, com duelo tático, briga intensa, valorização de dois times que valorizaram jogar futebol. Lamentamos, sim, porque (o erro) mais uma vez nos afastamos por conta de uma condição extra, além do normal de uma partida. Foram muitos os momentos em que o Santos foi penalizado ao extremo. Deixamos muito mais pontos do que erraram a nosso favor. Então acho que hoje essa é uma situação que poderia estar, sim, brigando de uma maneira bem direta com o Palmeiras. E um erro como esse acaba tirando possibilidade real de conquista de título. Se não fosse um erro claro e simples da arbitragem, do bandeira, teríamos tido resultado importantíssimo que nos daria condição diferenciada na tabela. Mas são situações que definem um campeonato, e olha que não foram poucos os erros contra o Santos.