LANCE!
25/05/2016
22:18
Santos (SP)

O Santos esteve perto de conquistar sua primeira vitória fora de casa no Brasileirão, nesta quarta-feira, diante do Figueirense. Até o fim do segundo tempo, o Peixe vencia por 2 a 1. Porém, os catarinenses pressionaram desde a expulsão de Gustavo Henrique, aos 22 minutos, e chegaram ao empate nos acréscimos. 

Em sua entrevista coletiva, o técnico Dorival Júnior insistiu que a expulsão do camisa 6 foi determinante para o resultado.

- O jogo até o momento da expulsão foi um e depois foi outro completamente diferente. Facilitamos para que o Figueirense alcançasse o resultado. Perdemos uma ótima oportunidade em razão do que vínhamos produzindo. Demos as condições.

- O time jogou bem, fez uma bela partida. O Figueirense se soltou um pouco mais. Não encaixamos a partida, principalmente a troca de passes. Com isso, tivemos dificuldades porque passamos a recebê-los dentro do nosso campo trocando bolas de uma maneira bem inteligente até quando criaram uma situação de gol e empataram a partida. É aquilo que falei: tem de jogar futebol de uma maneira fria, equilibrada, sempre buscando com intensidade e tendo consciência, sabendo administrar. O jogo tava totalmente a nosso favor - disparou o treinador.

Apesar das críticas, Dorival não se dirigiu especificamente a Gustavo Henrique e não entrou em detalhes sobre fazer mudanças na defesa para os próximos jogos.

Na temporada passada, o Santos venceu apenas um jogo como visitante, diante do Cruzeiro, no segundo turno.

O Peixe recebe o Internacional, na Vila Belmiro, no domingo, 18h30, pela 4ª rodada do Brasileirão.