Léo Saueia
07/10/2016
06:00
São Paulo (SP)

A última novela envolvendo o Santos está prestes a terminar. Nos últimos dias, representantes do meia Lucas Lima se reuniram com o presidente Modesto Roma Júnior e encaminharam detalhes da renovação de contrato do camisa 10 até agosto de 2019. O atual vínculo se encerra em 2017.

No novo acordo, o meia do Peixe e da Seleção receberá um aumento salarial e luvas (bônus pela assinatura de contrato). Além disso, Lucas Lima agora também terá direito a uma parte de seus direitos econômicos.

Cada um dos interessados (Santos, Lucas Lima e Doyen Sports) terá direito a 33,3% dos direitos. Hoje, a Doyen tem 80%, enquanto o clube detém outros 10% e o empresário Edson Khodor é dono do restante.

O único ponto ainda em discussão fica em relação à cláusula de saída. A exemplo do que fez na venda de Gabigol à Inter de Milão, o agente Wagner Ribeiro quer as mesmas condições no contrato de Lucas Lima. O Peixe aceita, mas quer impor o valor de 20 milhões de euros na cláusula, cinco milhões a mais do que o previsto pelo empresário do meia. 

A ideia do clube e dos representantes de Lucas Lima é concluir as negociações e trocar minutas do novo acordo até o fim de outubro.

Inicialmente, o plano do estafe do jogador era cumprir o contrato até dezembro de 2017 e depois negociar com o clube que bem entendesse, uma vez que Lucas seria dono de 100% de seus direitos econômicos.

Temendo perder todo o dinheiro investido desde a época em que o jogador ainda pertencia ao Internacional, a Doyen Sports vê com bons olhos os novos moldes de renovação. Em litígio com o Santos por diversos outros assuntos, o fundo maltês espera lucrar 33% em uma eventual negociação em vez de perdê-lo gratuitamente em dezembro de 2017.

Lucas Lima sempre deixou claro o desejo de se transferir à Europa, mas ficou frustrado com as propostas recebidas na última janela de transferências. Caso de fato assine a renovação com o Santos até agosto de 2019, o camisa 10 terá caminho mais curto para convencer o Alvinegro a negociá-lo. Resta apenas definir quando ele dirá adeus...