Thiago Maia - volante do Santos

Thiago Maia é o líder de desarmes do Paulistão, com 54 roubadas de bola (FOTO: Ivan Storti)

Léo Saueia e Russel Dias
07/05/2016
09:05
São Paulo e Santos (SP)

Se o time do Audax tem como sua principal virtude a troca de passes, o Santos parece ter encontrado no volante Thiago Maia a receita ideal para conseguir brecar o time de Fernando Diniz.

No empate por 1 a 1 no jogo de ida da decisão do Paulistão, o jovem Menino da Vila chegou à marca de 54 desarmes na competição e superou o já eliminado Hudson, do São Paulo, com 52.

Com apenas 19 anos, mas já disputando sua segunda decisão como titular do Peixe e nome frequente nas convocações para a Seleção olímpica, Thiago Maia é a esperança do Alvinegro para evitar a troca de passes do Audax. Ao LANCE!, o camisa 29 explica suas técnicas de desarme e revela suas principais admirações no futebol.

- Eu olho bem no olho do cara que está com a bola e já sei onde ele vai tocar, assim antecipo meu marcador. Eu gosto bastante do Mascherano, Luiz Gustavo, Fernandinho, caras que estão sempre chegando junto (risos) - explicou o jovem volante.

Para evitar que o excesso de vontade em desarmar seja convertido em faltas, Thiago explica que tudo é questão de técnica e maturidade.

- Eu jogava sempre com pessoas mais velhas. Eu chegava batendo e eles não se mexiam. Hoje tenho a técnica. Tem hora de chegar forte, dar um empurrão maior, uma pancadinha por trás (risos). Mas não é difícil, é questão de treinamento - disse.

Seja na bola ou com uma "pancadinha por trás", o volante do Santos promete fazer de tudo para brecar o Audax e levantar seu primeiro troféu como titular absoluto do meio de campo do Santos.