Thiago Perdigão
10/04/2016
19:00
Santos (SP)

Sem quatro titulares, o Santos sofreu, mas derrotou o Osasco Audax por 2 a 1, de virada, neste domingo, na Vila Belmiro. O atacante Ricardo Oliveira, artilheiro da equipe no Paulistão, não deixou sua marca, mas ainda assim foi o melhor jogador do Peixe em campo. Confira as notas: 

SANTOS

7,0
Vanderlei

Fez ao menos três boas defesas no primeiro tempo. Seguro, não teve culpa no gol do Audax.

4,5
Victor Ferraz

Foi razoável no ataque, até apareceu, mas não tão bem como de costume. Tomou drible humilhante no gol.

5,0
Luiz Felipe

Também foi mal no lance do gol e já tinha levado um drible em lance anterior em que quase saiu outro tento.

5,5
David Braz

Melhor da defesa, também sofreu muito, sobretudo no primeiro tempo. Depois, melhorou com o time.

5,5
Zeca

Deu bastante espaço pelo seu setor no primeiro tempo. No ataque, também não brilhou como em outros jogos.

6,5
Rafael Longuine

Foi volante, meia e até zagueiro no fim do jogo. Não brilhou, mas conseguiu fazer bem as funções, sobretudo no meio.

6,5
Léo Cittadini

Fez o gol de empate, mas não apareceu muito durante todo o jogo. Foi prejudicado por ser escalado como volante.

5,0
Vitor Bueno

Aparece, some. Aparece, some. Não fez muita coisa durante o jogo todo, mas mostra qualidade. Precisa de consistência.

7,0
Lucas Lima

Foi bem durante todo o jogo. Lembrou dos bons tempos do ano passado. Criou boas chances, que acabaram desperdiçadas.

5,0
Patito

Corre, tenta, mas não acerta quase nada que faz. Não consegue se firmar e tem contrato perto de acabar.

7,5
Ricardo Oliveira

Não fez o seu gol, mas deu passe perfeito para o tento de Léo Cittadini. Além disso, concluiu bem em quase todas as chances.

5,5
Serginho

Entrou para aumentar a pressão no ataque, mas não conseguiu fazer muito. Era titular do time, mas caiu muito.

6,0
Joel

Muito festejado pela torcida, poderia ser titular no lugar de Patito, por exemplo. Não teve tempo para fazer muito.

7,0
Ronaldo Mendes

Entrou e fez o gol da virada do Santos. Merece a nota pela estrela que mostrou.

6,5
Dorival Júnior

Time sem volantes sofreu muito no primeiro tempo e poderia ter saído com derrota maior. Acertou no segundo tempo.

Santos x Osasco Audax
Cittadini fez o primeiro do Peixe (Foto: Ivan Storti/Lancepress!)

Grêmio Osasco Audax

6,0
Sidão

Seguro, não teve culpa nos gols. Na primeira que vez que tentou exercer a filosofia do time de não dar bicão, conseguiu lançamento para o gol.

5,0
Francis

Deu espaços atrás.

5,0
Yuri

Sofreu com Ricardo Oliveira.

5,0
Gabriel Nunes

Deu espaço para Ricardo Oliveira no gol de empate.

5,0
Velicka

Apareceu, mas não o suficiente para ser participativo.

6,0
Tchê Tchê

Foi bem no meio, na articulação das jogadas ofensivas

5,5
Henrique

Deu espaços para os atacantes do Santos.

6,5
Rodolfo

Teve espaços e criou boas jogadas.

6,5
Mike

Correria e algumas boas jogadas.

6,0
Ytalo

Foi bem, mas perdeu chances.

7,0
Wellington

Brigou e fez um golaço que abriu o placar na Vila Belmiro.

5,0
Renan

Entrou e não conseguiu fazer muita coisa.

5,5
Samoel

Entrou e perdeu um gol em cabeçada de frente para o gol.

5,0
Bruno Lima

Entrou e nem foi notado.

6,0
Fernando Diniz

Time consegue tocar bem a bola e até é perigoso, mas as vezes falta fazer o simples.