Dorival nega 'acomodação' do Santos em chances de gol desperdiçadas

Técnico lamentou as ausências de Gabigol, Zeca, Ricardo Oliveira e Lucas Lima, que se apresentaram à Seleção 

LANCE!
09/11/2015
09:30
Santos (SP)

Brigando pelo título da Copa do Brasil, por uma vaga no G4 do Brasileirão e com dez dias livres para treinar, nem tudo são flores no Santos. Com a convocação de Gabigol, Zeca, Lucas Lima e Ricardo Oliveira para as Seleções olímpica e principal, o técnico Dorival Júnior não terá o elenco inteiro à disposição para trabalhar as formações.

Para o comandante santista, a presença do quarteto selecionável não é importante apenas na hora dos jogos. Segundo Dorival, seria importante trabalhar com o elenco cheio, principalmente pelo momento vivido pela equipe na temporada.

- A ausência do Lucas em relação ao momento que ele vive é grande, mas nós já fizemos isso em algumas oportunidades, e a equipe respondeu à altura. Fora isso, o que lamento é que perderemos mais três jogadores para as seleções, dois para a olímpica e dois para a principal, onde estamos brigando por final da Copa do Brasil e uma das vagas do Brasileiro. Seria importante que eu tivesse eles para que buscássemos melhora da equipe. Infelizmente mais uma vez não vai acontecer em razão das convocações - lamentou o treinador.


Apesar da lamentação, a situação não é nova para o Peixe. Em outras oportunidades em que teve a semana livre para treinos, Dorival sofreu do mesmo problema e pouco pôde aproveitar os trabalhos táticos. Naquela época, porém, o departamento médico estava ainda mais congestionado, o que agravou a condição. Hoje, o Peixe tem apenas Victor Ferraz e Valencia, que não volta este ano, tratando de lesão.