Nicolas assinando contrato ao lado do pai e de Marisa Alija Ramos

Nicolas ao lado de seu pai e da advogada Marisa Alija Ramos, de Robinho (Foto: Reprodução)

Russel Dias
05/11/2015
16:57
Santos (SP)

Destaque no sub-17 do Santos, o atacante Nicolas, de 16 anos, assinou um contrato de formação com o clube, que o permite se profissionalizar no Peixe, já que o vínculo tem validade por quatro anos.

O que chama a atenção no garoto, além da habilidade com a bola nos pés é um padrinho inusitado. Como revelou o LANCE! em dezembro de 2014, Nicolas é apadrinhado por Robinho.

Quando o garoto chegou em Santos, vindo do Rio de Janeiro, sua família passava por dificuldades, e foi o Rei do Drible quem ajudou seu pai e o próprio atleta.

Na época, ao L!, Robinho explicou que não queria ser empresário, gostaria apenas de auxiliar Nicolas e Lucas Lourenço, outro atleta da base alvinegra.

- Dou um auxílio, eles pedem chuteira, alguma coisa... O pai do Nicolas estava desempregado, da mesma forma que meu pai estava quando eu jogava, então dei uma força. Não é nada empresarial, meu sonho é que o moleque tenha o mesmo sucesso que eu tive - disse Robinho ao LANCE!, em dezembro.

Quem fez a mediação entre o Santos e o pai de Nicolas para a assinatura do novo contrato foi a advogada Marisa Alija Ramos, a mesma que cuida da carreira do Rei do Drible, que atualmente está no Guangzhou, da China.

Outro garoto apadrinhado por Robinho, o meia Lucas Lourenço, do sub-15, também assinou o contrato de formação nesta quinta-feira. Eles são os únicos garotos da base santista que têm o apoio direto do ex-camisa 7 do Alvinegro.

*Atualizado às 17h53

Lucas Lourenço assina contrato
Lucas Lourenço assina contrato (Foto: Reprodução)