ônibus do Santos

Santos tem ônibus personalizado desde dezembro do ano passado (Foto: Divulgação)

Léo Saueia e Russel Dias
19/02/2016
19:23
Santos (SP)

Um fator de última hora incomodou o Santos antes do clássico contra o Palmeiras, que será neste sábado, às 17 horas, no Allianz Parque. De acordo com o presidente santista, Modesto Roma Júnior, a delegação do clube não poderá usar o ônibus personalizado do clube para chegar ao estádio do Verdão por causa de um conselho Secretaria de Segurança Pública do Estado.

O dirigente afirma que o órgão responsável pela Polícia Militar fez tal solicitação por questões de segurança para os jogadores e comissão técnica do Santos no acesso ao Allianz Parque.

- Não posso andar com o ônibus do clube? Cadê a segurança pública? Não temos uma polícia que nos dê segurança.  A polícia se acovarda. É vergonhoso  disse Modesto ao LANCE!.

Sendo assim, o clube vai acatar o conselho e vai se dirigir do hotel para o estádio com um ônibus de uma empresa terceirizada, como fazia até dezembro do ano passado.

O Santos passou a reutilizar o Baleião, nome dado ao ônibus na imagem acima, justamente no dia 2 de dezembro de 2015, quando o Peixe foi ao Allianz Parque jogar a final da Copa do Brasil. Segundo relatos de funcionários do clube, na ocasião, alguns objetos foram arremessados em direção ao veículo, mesmo com escolta da Polícia Militar.

Em contato com a reportagem, a assessoria de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo afirma não saber de tal solicitação e que vai apurar o caso.