Andy Murray

Atual campeão olímpico em simples, Andy Murray será porta-bandeira da delegação britânica (Foto: AFP)

RADAR/LANCE!
05/08/2016
08:30
Rio de Janeiro (RJ)

Ele já tem uma medalha de ouro. E quer mais. Atual campeão olímpico em simples no tênis, Andy Murray deu entrevista coletiva na última quinta (4) e avisou: vai atrás de outra medalha nos Jogos do Rio. E tanto faz se ela virá em simples ou em duplas, ao lado do irmão Jamie:

- Competir mais uma vez nos Jogos significa muito para nós. Vamos dar o nosso melhor e ganhar uma medalha se for possível, mas ambas as modalidades têm o mesmo valor para mim - declarou o número dois do mundo.

Murray defende seu ouro olímpico embalado pelo título de Wimbledon, conquistado em julho. E para buscar o bi o tenista de 29 anos reconheceu que se poupou e chegou a desistir de disputar o Masters 1000 de Toronto para chegar inteiro ao Rio de Janeiro.

- Eu não tinha disputado nenhuma partida em quadra dura há quatro meses e não queria correr riscos de lesão, mesmo se tivesse que perder pontos no ranking - confessou.

E foi melhor mesmo, já que o sorteio da chave de simples não foi lá muito generoso com o britânico. Apesar de estrear apenas no domingo (7), tendo um dia inteiro de descanso após a cerimônia de abertura, Murray pega o duro tenista sérvio Viktor Troicki. Já em duplas, ao lado do irmão Jamie Murray, o primeiro desafio será contra os brasileiros André Sá e Thomaz Bellucci, ainda sem dia confirmado.