Flavia Saraiva e Matheus Santana (Foto: Alexandre Castello Branco/COB)

Com três medalhas nos Jogos da Juventude, Flávia é esperança para a Rio-2016 (Foto: Alexandre Castello Branco/COB)

LANCE!
06/11/2015
20:14
São Paulo

Quinze atletas olímpicos brasileiros subiram, nessa sexta-feira, um degrau no posto de esperanças do país na disputa da Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016. A pouco menos de nove meses do início da disputa, os competidores foram contemplados com o auxílio da Bolsa Pódio do ministério do Esporte.

Os selecionados divulgados no Diário Oficial da União são: Flávia Saraiva, Letícia Costa, Rebeca Andrade e Angelo Assumpção (ginástica artística); Ingrid Oliveira, Giovanna Gomes e César Castro (saltos ornamentais); Raphaella Galacho, Venilton Teixeira e Guilherme Félix (taekwondo); Michel Borges, Patrick Lourenço e Robson Conceição (boxe), Davi Albino (luta olímpica); e Nathalie Moellhausen (esgrima).

Os valores das bolsas são definidos conforme o ranking dos atletas ou desempenho em grandes competições, como Olimpíadas e Mundiais. Assim, o competidor olímpico recebe um valor dividido em quatro faixas: R$ 5 mil, R$ 8 mil, R$ 11 mil e R$ 15 mil.

Ainda assim, o atleta só pode receber a Bolsa Pódio se estiver entre os 20 melhores do ranking mundial de suas modalidades, a fim de provar que, de fato, pode ser considerada uma esperança para a Olimpíada carioca.