LANCE!
09/08/2016
18:22
São Paulo (SP)

A tarde desta terça-feira foi bastante agitada para o Time Brasil nos Jogos Rio-2016. Entre decepções e vitórias, o país-sede esteve perto de mais uma medalha no judô e obteve vitórias no basquete masculino e vôlei de praia feminino. 

A atleta que "parou o Brasil" no período vespertino foi Mariana Silva. Torcedores país afora acompanharam a judoca em busca de um lugar no pódio. Apesar de chegar à semifinal, foi derrotada tanto na disputa por uma vaga na decisão quanto na briga pelo terceiro lugar. No fim das contas, valeu pelo fator surpresa – não havia muita expectativa em torno de sua atuação.

Confira abaixo mais detalhes sobre o judô e muito mais:

Judô
O torcedor brasileiro teve muito do que se orgulhar na tarde desta terça-feira, nos Jogos Rio-2016. Apesar de não conseguir medalha, a judoca Mariana Silva chegou surpreendentemente às semifinais. A brasileira, no entanto, acabou derrotada por Tina Trstenjak, da Eslovênia. E na decisão pelo bronze, caiu diante da holandesa Anicka Van Emden.

Rio 2016 - Basquete - Espanha x Brasil
Brasil derrotou a Espanha no basquete (Foto: AFP/ANDREJ ISAKOVIC)

Basquete
O destaque da tarde ficou por conta da Seleção masculina do Brasil. A equipe do técnico Rúben Magnano fez partida equilibradíssima diante da favorita Espanha, atual vice-campeã europeia, e venceu por 66 a 65, levando à loucura o público presente na Arena Carioca 1, recuperando-se da derrota para a Lituânia na estreia.

A Seleção brasileira feminina, no entanto, não teve o mesmo desempenho dos colegas de modalidade. As meninas brasileiras foram derrotas por 65 a 63 para a Bielorrússia e chegaram a três reveses em três partidas na Rio-2016.

Rúgbi  
Na estreia da Seleção brasileira masculina na Rio-2016, o resultado não foi dos mais agradáveis. O Time Brasil acabou derrotado por 40 a 12 diante de Fiji. Apesar do revés, os brasileiros saíram de campo empolgados com o apoio da torcida. Vale ressaltar que a equipe da Oceania é a melhor do mundo na modalidade

Natação
O Brasil garantiu ao menos um nadador na semifinal da prova mais tradicional da natação: os 100m livre. Com o 13º melhor tempo entre os 16 classificados, Marcelo Chierighini agora cai na piscina a partir das 22h para disputar uma vaga na final. O melhor tempo das eliminatórias foi registrado pelo jovem australiano Kyle Chalmers, de apenas 18 anos.

Saltos ornamentais
Com dupla brasileira disputando um improvável lugar no pódio, a prova de saltos ornamentais foi realizada na tarde desta terça. A China, com Chen e Liu, conseguiu a medalha de ouro. Malaias e canadenses completaram o pódio. As brasileiras Ingrid e Giovanna terminaram em último lugar, com a oitava "melhor" nota.

talita e larissa (Foto:novafoto/CBV)
Larissa e Talita estão nas oitavas de final  (Foto:novafoto/CBV)

Vôlei de praia
Modalidade tida como uma das grandes esperanças de medalha para o Brasil na Rio-2016, o vôlei de praia já garantiu ao menos uma dupla nas oitavas de final: Larissa e Talita. As brasileiras venceram as estadunidenses Fendrick e Sweat por 2 a 0, parciais de 21-16 e 21-13, na Arena de Copacabana e conseguiram a classificação antecipada.

Tiro com arco
O brasileiro Marcus D'Almeida não se deu bem diante do forte americano Jake Kaminski e perdeu logo em sua primeira prova, sendo eliminado da Rio-2016. Assim, a única esperança de medalha restante na modalidade para o Brasil está nas mãos de Anne Marcelle dos Santos, que disputa a fase oitavas de final nesta quinta-feira.

Hipismo
O Brasil sofreu uma queda no hipismo. Literalmente. O cavalero Ruy Fonseca levou um tombo de seu cavalo, Tom Bombadill Too, durante prova de saltos do Concurso Completo de Equitação. O brasileiro acabou eliminado da prova. França, Alemanha e Austrália, respectivamente, ficaram com as medalhas de ouro, prata e bronze.

Vela
A exemplo do que já havia acontecido nessa segunda-feira, Robert Scheidt teve desempenhos bastantes distintos na regatas que disputou nesta terça. Na primeira prova, fez apenas o 27º melhor tempo. Na segunda, contudo, foi o quarto melhor. Principal atleta do país na modalidade, o brasileiro encerrou o segundo dia de competição na oitava posição da classe Laser.

Brasileiro que estreou na Rio-2016 nesta terça pela classe Finn, Jorge Zarif terminou o dia na quarta posição.

Tênis
Um dos atletas mais assediados pela torcida brasileira, o espanhol Rafael Nadal fez bonito nesta terça. Ele devolveu o carinho recebido pelo público em forma de vitória: fez 2 a 0 para cima do italiano Andreas Seppi com duplo 6-3.

Já eliminado na competição de duplas, Andy Murray parece disposto a conquistar uma medalha ao menos no torneio individual. Ele não deu chances ao argentino Juan Monaco na tarde desta quinta. O atual número 2 do mundo e campeão olímpico venceu por 2 sets a 0 com parciais de 6-3 e 6-1.

O britânico, aliás, protagonizou uma das cenas mais curiosas da Rio-2016 até aqui. Após conceder autógrafo a um garoto, foi perseguido pelo jovem fã, que invadiu a quadra. O motivo? Queria sua caneta de volta para tentar mais autógrafos com demais tenistas.