Thomas Bach soltou o verbo para cima da Fifa (Foto: Richard Juilliart/AFP)

Thomas Bach (Foto: Richard Juilliart/AFP)

LANCE!
14/11/2015
15:02
Rio de Janeiro (RJ)

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, emitiu neste sábado um comunicado lamentando os ataques terroristas em Paris (FRA) da última sexta-feira.  O alemão classificou o episódio como "atos covardes" e disse que eles ferem os valores olímpicos.

O dirigente ainda declarou apoio ao presidente francês, François Hollande, e destacou o poder do esporte para unir pessoas e comunidades.

Leia o comunicado completo de Thomas Bach:

"Estes ataques são chocantes. O Comitê Olímpico Internacional condena os atos covardes.

Estes ataques não são apenas contra o povo da França e de Paris. São contra toda a humanidade e os valores olímpicos.

Estamos unidos com todas as pessoas do mundo. Nossos pensamentos estão, naturalmente, com os familiares e amigos das pessoas que foram mortas ou feridas.

Nós apoiamos o excelente trabalho feito por homens e mulheres das áreas médicas e de segurança, que estão ajudando neste momento complicado.
Nestes momentos sombrios, devemos nos lembrar do poder que o esporte tem para unir pessoas e comunidades, com o objetivo de trazer a paz e a reconciliação. Hoje, todas as pessoas de bom coração vão dizer: "Somos todos franceses".

Hoje, estou enviando uma carta de condolências e apoio ao presidente Hollande e ordeno que a bandeira olímpica seja colocada a meio mastro para lembrar da tragédia."