Carlos Alberto Parreira (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Carlos Alberto Parreira conquistou a Copa do Mundo de 1994 pelo Brasil (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Thiago Ferri
03/08/2016
17:40
São Paulo (SP)

Carlos Alberto Parreira, tetracampeão mundial pela Seleção Brasileira, está nesta quarta em Itaquera para assistir aos jogos de futebol feminino da Rio-2016. Após a vitória do Canadá sobre a Austrália, o ex-treinador ouviu uma provocação por conta do 7 a 1 da Alemanha em cima do Brasil, na Copa do Mundo de 2014. Na época, ele era coordenador técnico da Seleção.

Perguntado no elevador da Arena Corinthians sobre a expectativa para o duelo entre Alemanha e Zimbábue, que começa às 18h, Parreira começou a falar:

- Acho que vai ser pelo menos 3 a 0 para a Alemanha... - até ser interrompido por uma mulher que não foi identificada.

- Acho que vai ser 7 a 1 - provocou ela, quando saía do elevador.

Parreira ficou em silêncio, deu uma risada sem graça e depois seguiu conversando com os que estavam no local. Ele hoje faz parte do Grupo de Estudos Técnicos da Fifa e vai analisar tendências de jogo com outros sete membros as partidas de futebol masculino e feminino na Rio-2016.

Depois do vexame contra a Alemanha, Parreira foi o porta-voz da controversa carta enviada por Dona Lúcia, em que uma torcedora defendia a comissão técnica em que ele e Luiz Felipe Scolari faziam parte. Parreira já disse que se arrependeu da leitura naquele momento.