Eduardo Paes, prefeito do Rio, em um dos eventos no qual esteve nesta quinta-feira (Foto: Igor Siqueira)

Eduardo Paes, prefeito do Rio, em um dos eventos no qual esteve nesta quinta-feira (Foto: Igor Siqueira)

Igor Siqueira
04/08/2016
16:31
Rio de Janeiro (RJ)

Vivendo um dia de muitos eventos na véspera da cerimônia de abertura da Rio-2016, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, em uma das entrevistas que concedeu nesta quinta-feira, fez questão de rechaçar que a preparação dos equipamentos esportivos dos Jogos Olímpicos esteja sendo feita às pressas.

- Não tem improviso na Olimpíada do Rio. Não tem equipamento entregue fora do prazo. Não pode confundir canal de televisão colocando cabo com obra em andamento. Quem atrasou de fato um pouco foi o Velódromo, mas conseguimos fazer um evento-teste - afirmou Paes, que ainda completou:

- Não fizemos elefantes brancos. É uma Olimpíada numa cidade fantástica, mas com equipamentos simples. O campo de jogo é a melhor possível. Nós brasileiros nos orgulhamos do modelo que construímos. De mesmo em uma crise política e econômica, o setor público e privado respondeu às demandas para realizar os Jogos.


O prefeito do Rio aproveitou a ocasião para reforçar o pedido para que os cariocas evitem deslocamentos nesta sexta-feira, dia da abertura dos Jogos, no Maracanã.

- Não estamos vivendo tempos normais. É natural que a cidade viva em contingências. Serão dias alegres, mas confusos na mobilidade. Vamos ter um dia muito especial para a nossa cidade. É importante que tenhamos apoio da população - completou Eduardo Paes.