Bernardo Cruz
20/08/2016
08:05
Rio de Janeiro (RJ)

Chegou o dia. Neste sábado, 20 de agosto de 2016, o futebol masculino do Brasil finalmente pode conquistar o único título que falta: o ouro olímpico. Melhor cenário para isso não há: Maracanã como palco, 70 mil pessoas empurrando uma equipe de muito potencial e o favoritismo. A questão é que o rival será a Alemanha, e isso virou sinônimo de apreensão.

O LANCE! listou sete motivos para você ficar mais confiante para a partida que começa às 17h30 (de Brasília). Não é o troco pela final da Copa do Mundo, mas dois anos depois do 7 a 1 uma vitória no Maraca é o que se espera:

1) DEFESA
A zaga do Brasil faz uma Olimpíada perfeita até aqui. Mesmo enfrentando adversários pouco ofensivos ou de menor expressão, cumpriu seu papel de não levar gols (cinco jogos). Isso na hora da decisão poderá fazer a diferença.

Brasil x Colombia (Foto:Ivan Storti/LANCE!Press)
Neymar vem de boas atuações (Foto:Ivan Storti/LANCE!Press)

2) NEYMAR
O capitão do time olímpico dispensa comentários. É o jogador mais badalado do torneio olímpico. Mesmo com uma primeira fase sem muito brilho, que rendeu até vaias da torcida, o camisa 10 mostrou nas quartas e semifinal seu poder de decisão. Fez gols em ambas fases. Isso contará muito na final.

3) GANHOU DECISÃO DA ALEMANHA
Antes do fatídico 7 a 1, o Brasil teve muito o que celebrar diante dos alemães. Afinal de conta, eles foram os adversários em 2002, quando a Seleção faturou o penta. Foi a única decisão entre os países no futebol.

4) GANHOU NOS JOGOS OLÍMPICOS
A Seleção olímpica também guarda boas lembranças da Alemanha. Em 1988, em Seul, os dois países fizeram uma das semifinais. Na ocasião, foi o lado Ocidental, uma vez que ainda vigorava o Muro de Berlim, símbolo da Guerra Fria. Na ocasião, empate em 1 a 1 no tempo normal e vitória nos pênaltis.

Torcida - Brasil x Honduras
Torcida comparecerá em peso (Foto: Pedro Martins/AGIF/Lancepress!)

5) MARACANÃ
O palco da decisão já presenciou um dos capítulos mais tristes do futebol brasileiro, com a perda da Copa de 1950. No entanto, foi também ali o último grande momento da Seleção principal, com a categórica vitória por 3 a 0 sobre a Espanha na Copa das Confederações de 2013. Na semifinal olímpica contra Honduras, goleada por 6 a 0. Promessa de mais gols do Brasil neste sábado?

6) LESÃO ZERO
A Seleção principal sofre a cada compromisso com jogadores lesionados. A equipe olímpica conseguiu ter durante toda a campanha o grupo todo para ser utilizado por Rogério Micale.

Brasil x Dinamarca
Gabriel Jesus é protagonista no Palmeiras (Foto: Lucas Figueiredo/MowaPress)

7) EXPERIÊNCIA
Apesar de jovens, os jogadores brasileiros são protagonistas em seus clubes. Além disso, o país já atuou em três finais olímpicas. A Alemanha está em sua primeira decisão no torneio.

O MOTIVO CONTRA: 7 X 1
Os fantasmas da última Copa rondam ainda o futebol brasileiro. É uma Alemanha diferente, que se surpreendeu com a própria campanha. No entanto, o nome do país virou motivo de temor, sobretudo na partida que pode acabar com a sede por ouro do Brasil.