Carlos McAllister (Foto: Juan Mabromata/AFP)

Mac Allister chegou a escrever para a chancelaria preocupado com conflitos (Foto: Juan Mabromata/AFP)

RADAR/LANCE!
09/08/2016
13:28
Rio de Janeiro (RJ)

Os recentes conflitos entre torcedores brasileiros e argentinos durante as Olimpíadas do Rio deixaram preocupado o Secretário de Esporte do país vizinho. O ex-futebolista Carlos Mac Allister falou, nesta terça (9), a uma rádio argentina e revelou que chegou a entrar em contato com a chancelaria de seu país, solicitando uma providência em relação às confusões no Rio.

- Escrevi à chancelaria a este respeito, para ver se podemos trabalhar o tema inclusive com os presidentes. O nível de confronto que se vive é preocupante porque sequer nos enfrentamos esportivamente com o Brasil - declarou o secretário.

Na tarde da última segunda (8), o jogo de tênis entre o argentino Martin del Potro e o português João Sousa teve de ser interrompido por alguns instantes devido a uma confusão envolvendo torcedores argentinos e brasileiros nas arquibancadas. O incidente acabou com intervenção dos agentes da Força Nacional, que retiraram os argentinos envolvidos na celeuma do complexo do tênis no Parque Olímpico.

Antes, na partida entre del Potro e Novak Djokovic, disputada no domingo (7), os brasileiros já haviam recebido o argentino com vaias. O troco veio horas mais tarde, durante a partida de basquete entre Argentina e Nigéria, quando os hermanos entoaram cânticos lembrando o 7 a 1 aplicado pela Alemanha sobre a Seleção Brasileira na Copa de 2014. Além da preocupação de Mac Allister, os acontecimentos também geraram uma campanha do comitê organizador dos Jogos Olímpicos no Twitter, com o uso da hashtag #TréguaOlímpica.