Jonas Moura
14/08/2016
18:19
Rio de Janeiro (RJ)

A soberania de Larissa e Talita no vôlei de praia quase foi interrompida de forma cruel. Com muito sufoco, a dupla mais cotada a faturar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro fez o "impossível" para virar a partida contra as suíças Heidrich e Zumkehr, neste domingo, e se classificar para a semifinal. As donas da casa venceram por 2 sets a 1, parciais de 21-23, 27-25 e 15-13. Foram três match points salvos e  muita tensão.

As europeias fizeram sua melhor exibição no Rio até agora. Foram as primeiras a vencerem um set das brasileiras na competição. E de forma surpreendente. Isso porque se classificaram apenas na 14ª colocação no ranking olímpico, enquanto a capixaba e a sul-mato-grossense lideraram a corrida. 

A partida foi apertada desde o início, mas as suíças impuseram seu jogo no primeiro set. Talita enfrentou muitas dificuldades na recepção. Fez escolhas equivocadas no ataque, mas contou com a ajuda da parceira em lances cruciais. No bloqueio, resolveu. Da segunda parcial em diante, a torcida na Arena de Copacabana viveu fortes emoções.


No tie-break, Talita sentiu câimbras e avisou Larissa, que precisou se superar ainda mais. A sabedoria de duas atletas que já têm outras duas edições de Jogos Olímpicos no currículo fez a diferença diante da situação desfavorável. Em um ataque de Talita, mesmo com dores, o time da casa decretou o triunfo.

Elas enfrentam agora as alemãs Ludwig e Walkenhorst, que passaram pelas canadenses Pavan e Bansley por 2 a 0, mais cedo. As semifinais acontecem na terça-feira.

Neste domingo, às 23h, Ágatha e Bárbara Seixas tentam se garantir na próxima fase. Elas enfrentam as russas Ukolova e Birlova.