Nesta Carter (Foto: Divulgação)

Nesta Carter foi flagrado em exame referente aos Jogos Olímpicos de Pequim-2008 (Foto: Divulgação)

LANCE!
03/06/2016
16:11
São Paulo (SP)

O velocista jamaicano Nesta Carter está entre os atletas flagrados no exame antidoping após as novas análises dos testes feitos nos Jogos Olímpicos de Pequim (CHN), em 2008. A informação foi divulgada pelo jornal "The Gleaner", da Jamaica, nesta sexta-feira. Vale lembrar que o atleta estava na equipe do revezamento 4x100m, medalhista de ouro na disputa, com o recorde mundial na época de 37s10 - tal marca já foi batida.

A teste da amostra "A" do exame do competidor teria dado positivo para a presença de Dimetilamilamina, um estimulante. O resultado do teste "B" ainda não é conhecido.

Em Pequim-2008, Carter, com 30 anos atualmente, abriu o revezamento jamaicano na final olímpica. Seus companheiros de equipe foram: Michael Frater, Asafa Powell e Usain Bolt. O velocista também faturou o ouro nessa mesma prova em Londres-2012, além de ter faturado os títulos do 4x100m nos Mundiais de 2011, 2013 e 2015 e um bronze nos 100m no Mundial de 2013.
Agora, caso o doping seja confirmado a Jamaica pode perder a medalha da Olimpíada na China. Assim, a primeira colocação ficaria com Trinidad e Tobago, o segundo posto seria do Japão, e o Brasil herdaria o bronze. Na ocasião, o time brasileiro foi formado por Vicente Lenilson, Sandro Viana, Bruno Barros e José Carlos Moreira, o Codó.

Além disso, Carter tem a possibilidade de receber uma advertência ou uma suspensão.

Vale lembrar que o Comitê Olímpico Internacional (COI) tem intensificado a luta contra o doping. Ao lado da Agência Mundial Antidoping (Wada), a entidade decidiu reanalisar os exames de alguns atletas referentes aos Jogos de Pequim-2008 e Londres-2012. Enquanto 31 atletas foram flagrados na primeira edição, 21 competidores caíram no doping na segunda. Todos estão previamente suspensos para a Olimpíada do Rio de Janeiro.