Thomas Bach soltou o verbo para cima da Fifa (Foto: Richard Juilliart/AFP)

Presidente do COI, Thomas Bach promete rigor na luta contra o doping (Foto: Richard Juilliart/AFP)

RADAR/LANCE!
22/07/2016
12:39
Rio de Janeiro (RJ)

Em meio a polêmicas envolvendo casos de doping no atletismo russo, o Comitê Olímpico Internacional anunciou uma conclusão nesta sexta-feira: 30 atletas foram pegos por dopagem em Pequim-2008 e outros 15 em Londres-2012. Destes, 23 são medalhistas.

Os esportistas flagrados, que não tiveram suas nacionalidades e nem as modalidades reveladas, enquanto a investigação é conduzida, poderão ficar de fora dos Jogos Olímpicos Rio-2016, a serem realizados a partir do dia 5 de agosto. 

Os novos casos elevam a 98 o número de atletas que testaram positivo para substâncias ilegais. Visando Jogos "limpos" e exemplar, o COI ordenou que todas as amostras de sangue e urina guardadas desde Pequim fossem reavaliadas.