Guilherme Cardoso
05/11/2015
07:05
São Paulo (SP)

Poucos atletas do Brasil asseguraram a vaga nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, no último mês. Destaque para a equipe masculina de ginástica artística, que pela primeira vez vai competir com o grupo em uma Olimpíada. Além disso, outros dois atletas se firmaram como destaques de suas modalidades no país: Etiene Medeiros, na natação, e Robson Conceição, no boxe. Já nos eventos-teste, foram dois. Um deles, cheio de problemas...

Seleção masculina de ginastica artística (Foto: Divulgação)
Seleção masculina de ginastica artística garantiu vaga em uma disputa olímpica pela primeira vez na história (Foto: Divulgação)

"É um sonho realizado. Desde 2003, eu sonho com essa classificação. Estamos entre os melhores do mundo" - 
Diego Hypolito, ginasta 


GINÁSTICA ARTÍSTICA

Terminou no último domingo, dia 1, o Mundial de ginástica artística, em Glasgow (ESC). A delegação brasileira não conquistou medalhas na competição (Arthur Zanetti nem foi à final das argolas), mas a equipe masculina atingiu o principal objetivo ao ficar entre os oito primeiros colocados (foi oitava) e garantir uma vaga nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio. O time feminino ficou no nono lugar e vai disputar o Pré-Olímpico no próximo ano. Nas disputas individuais, destaque para Arthur Nory, o quarto na competição da barra fixa.

Robson Conceição (Foto: Divulgação)
Robson Conceição garantiu uma medalha no Mundial de Doha, mas ainda não carimbou sua vaga para a Rio-2016 (Foto: Divulgação)


BOXE


No Campeonato Mundial masculino, em Doha (QAT), Robson Conceição provou mais uma vez o motivo de ser o principal atleta da Seleção Brasileira de boxe no momento. Ele ficou com a medalha de bronze, na categoria até 60kg. Mas em luta extra pela vaga na Rio-2016, perdeu do uzbeque Elnur Abduraimov.

Etiene Medeiros (Foto: Divulgação)
Etiene Medeiros brilhou nos Jogos Militares, conquistando quatro medalhas de ouro e duas de prata (Foto: Divulgação)


JOGOS MILITARES

Nos Jogos Mundiais Militares, o Brasil conquistou 84 medalhas, sendo 73 (87%) com atletas que já fizeram parte ou estão atualmente na Seleção Brasileira em suas modalidades, e deverão competir na Rio-2016. Etiene Medeiros, na natação, levou quatro ouros e duas pratas. Ela é sargento da Marinha.


CICLISMO

Em outubro, foram realizados dois eventos-teste para os Jogos Rio-2016. No início do mês, houve o Desafio Internacional de BMX, com diversos problemas. O começo da competição foi atrasado em um dia, pois os atletas consideraram o percurso perigoso. Se não bastasse, uma forte chuva antecipou o fim da disputa em Deodoro.

Dias depois, o ocorreu o Desafio Internacional de Mountain Bike, no Parque Radical, também em Deodoro. E apesar do forte calor, os competidores aprovaram a pista e toda a disputa.