André Uzêda
09/08/2016
17:52
Salvador (BA)

Com um futebol vistoso e ofensivo diante do Zimbábue, a seleção da Austrália garantiu a classificação para as quartas-de-final do futebol feminino. As Matildas, como são chamadas, aplicaram impiedosos 6 a 1 e ficaram com a terceira vaga no Grupo F.

O Canadá, que venceu a Alemanha por 2 a 1 também nesta terça-feira (9/8) em Brasília, ficou como líder da chave. As germânicas, mesmo com a derrota, garantiram o segundo posto.

Ao que tudo indica, as australianas devem enfrentar o Brasil na próxima fase. Basta apenas que as anfitriãs confirmem sua condição de favoritas e terminem como líder do Grupo E.

Este jogo está marcado para a próxima sexta (12/8), no Mineirão, em Belo Horizonte.

Arrasadoras, três dos seis gols das Matildas foram marcados já na etapa inicial do confronto. No primeiro lance de ataque, De Vanna fez boa tabela e abriu o placar. Aproveitando escanteio, Polkinghorne, aos 15, ampliou. E, aos 36, novamente em escanteio, Kennedy marcou o terceiro.

Na volta do intervalo, as australianas continuaram pressionando e assinalaram mais dois antes nos dez primeiros minutos. Simon, aos 4, aproveitou lançamento preciso de Catley e tocou na saída da goleira africana. Aos 9, de cabeça, Heyman, que havia acabado de entrar, fez mais um. Com um toque de classe, aos 20, a própria marcou seu segundo e o sexto da Austrália.

Já nos acréscimos, Msipa descontou para o Zimbábue após boa trama das jogadores de meio de campo.

Antes do duelo contra as africanas, o time da Austrália tinha apenas um ponto no torneio olímpico e saldo negativo de menos um. Com a goleada, as Matildas livraram o saldo e passaram a somar quatro pontos.

Brasil e Austrália chegaram a se enfrentar em um amistoso às vésperas das Olimpíadas, em Fortaleza. Na ocasião, as brasileiras venceram por 3 a 1 com gols de Debinha, Raquel e Darlene.

FICHA TÉCNICA: 
Local: Arena Fonte Nova, Salvador (BA)
Data e horário: 9 de agosto de 2016, às 16h

Austrália: Arnold, Logarzo, Kennedy, Polkinghorne e Catlety; Kellond-Knight, Gorry (Heyman) e Van Edmond; Simon, De Vanna (Crummer) e Foord (Carpenter). Técnico: Alen Stajcic

Zimbábue: Dzingirai (Muzongondi); Chibanda, Mutokuto, Majika e Makoto; Mandaza, Msipa, Basopo e Nyaumwe; Kapfumvuti (Kaitano) e Chirandu (Makore). Técnico: Mlauzi Shardeck