Ibtijah Muhammad é americana e competirá na esgrima na Olimpíada do Rio de Janeiro, em agosto (Foto: Reprodução)

Ibtijah Muhammad é americana e competirá na esgrima na Olimpíada do Rio, em agosto (Foto: Reprodução)

LANCE!
02/02/2016
20:00
São Paulo (SP)

Pela primeira vez na história dos Jogos Olímpicos de Verão os Estados Unidos terão em sua delegação uma atleta que competirá com o hijab, vestimenta típica da religião muçulmana. Trata-se de Ibtijah Muhammad, da esgrima, que se classificou para a Rio-2016.

A competidora de 30 anos, especialista no sabre, assegurou vaga no último fim de semana ao conquistar a medalha de bronze na etapa de Atenas da Copa do Mundo.

Com o resultado, Muhammad arrebatou um lugar na Rio-2016 na competição individual e também na equipe de sabre americano para os Jogos. Ela e Mariel Zagunis, bicampeã olímpica em Atenas-2004 e Pequim-2008, já estão garantidas no time – uma terceira atleta será convocada pela federação americana de esgrima para compor o grupo.

O interesse de Muhammad na esgrima surgiu aos 13 anos, quando sua mãe viu atletas treinando com o corpo todo coberto, com o equipamento obrigatório deste esporte. Como o islamismo prega que as mulheres não deixem nada à mostra, a esgrima apareceu como boa opção. A atleta começou a se dedicar integralmente à modalidade somente anos depois, na Universidade de Duke.

Apesar de competir com o corpo todo escondido, Muhammad não tira o hijab. A vestimenta fica aparente nas vezes em que vai ao pódio receber medalhas, em que sua cabeça aparece enrolada em um véu.

Pela seleção americana, ela já subiu no pódio cinco vezes em Campeonatos Mundiais, com um ouro e quatro bronzes na competição por equipes, entre 2011 e 2015. Apesar do sucesso, só agora ela conseguiu vaga em sua primeira Olimpíada.

– Quero competir na Olimpíada para provar que nada deve te impedir de alcançar seus sonhos. Nem mesmo raça, religião ou gênero sexual. Eu quero servir de exemplo – disse Muhammad, que foi a primeira muçulmana a competir pela seleção americana de esgrima.