Pedida de flush é uma das situações mais corriqueiras no pôquer do BSOP

Pedida de flush é uma das situações mais corriqueiras nos torneios de pôquer (Divulgação)

LANCE!
12/10/2016
09:00
São Paulo

Quando você tem uma pedida de flush (flush draw) em No Limit Hold'em, existem várias formas diferentes para você escolher jogar. Algumas vezes é melhor apenas dar check/pagar e esperar acertar a sua quinta carta de espadas, copas ou outro naipe na próxima carta. Em outras, você vai jogar essa pedida de flush agressivamente e aumentar, feliz em ver todas as fichas voando para o meio da mesa e esperando ter sorte. Existem diversas variáveis - da força da sua pedida de flush às tendências dos seus adversários - que influenciam no que você faz. Vamos dar uma olhada em alguns exemplos de diferentes forma de jogar um flush draw.

A pedida de flush mais forte que você pode ter é a de flush de Ás (nut flush draw) - especialmente quando você tem o Ás na sua mão e não na mesa. Vamos supor que você tenha num flop . Aqui você tem nove outs limpos - as copas restantes - para ganhar a mão, além de uma boa chance de também ao acertar o Ás. No caso do seu adversário ter um par de Reis por exemplo, então você tem 12 outs ou seja, 46% de chances de ganhar a mão.

No geral, você deve jogar as pedidas de nut flush muito agressivamente. Ao jogar desta forma temos duas chances de ganhar a mão - seja fazendo nosso oponente desistir na hora ou indo em frente com uma porcentagem alta de acertar nossa pedida. Ambos os cenários são bons e você nunca estará errado em jogar a sua pedida de nut flush desta forma. A única circunstância na qual você vai considerar diminuir o ritmo é se estiver enfrentando um jogador extremamente 'tight' que apenas mostra força quando tem o nuts absoluto. Aqui, pode funcionar melhor apenas dar check/pagar com a sua pedida já que normalmente estará contra algo forte como uma trinca ou dois pares que reduzem drasticamente as suas chances de ganhar.

Nos outros casos é melhor só pagar com a sua pedida de flush. Um bom exemplo é quando você está em posição com uma mão como num flop . O seu adversário faz uma continuation bet e a ação está em você no botão. Aumentar aqui tem o seu lado positivo - você pode fazer o seu adversário desistir a parte mais fraca do seu range como um Dez ou até mesmo um Rei como carta alta - mas é melhor apenas pagar por algumas razões. Primeira, se você aumenta e o seu oponente tiver uma mão forte (como dois pares ou uma trinca) é provável que ele aumente novamente colocando você numa situação terrível. Neste ponto você deve decidir se vai arriscar todo o seu stack em uma pedida - que pode ter apenas 30% de equidade - ou desistir no flop e perder a chance de acertar a sua pedida de flush. Nenhum dos cenários parecem muito bons!

Segunda, apenas pagando em posição você mantém outras opções para as rodadas seguintes podendo acertar o seu flush no turn e ganhar um pote grande. Mesmo se errar, o seu oponente pode dar check criando uma ótima oportunidade para você blefar. Além disso, quando você pagou no flop, isso não quer dizer que você tem uma pedida de flush - você poderia ter um para de Áses ou até mesmo estar fazendo slowplay com algo mais forte! A dificuldade aparece quando o seu oponente aposta novamente no turn, especialmente se for uma aposta grande. Neste ponto provavelmente você não tem as pot odds corretas para continuar com a sua pedida e deve desistir da mão.
Sempre considere cuidadosamente a sua mão, o que o seu adversário pode ter e a sua posição antes de decidir como jogar o seu flush draw em No Limit Hold'em.

Para mais dicas de estratégias vencedoras de poker, crie a sua conta GRATUITA no PokerStars e participe da nossa escola. Se já for um membro, experimente esta estratégia nas mesas.