Tchê Tchê (FOTO: Cesar Greco/Palmeiras)

'Parça' de Gabriel Jesus, Tchê Tchê garante ter pique para jogar dois jogos em dois dias (FOTO: Cesar Greco/Palmeiras)

LANCE!
06/09/2016
18:15
São Paulo (SP)

Caso se proponha a estar em campo no clássico desta quarta-feira, contra o São Paulo, no Allianz Parque, o palmeirense Gabriel Jesus terá de enfrentar uma maratona, pois deve ser o titular da Seleção Brasileira na partida desta terça-feira, em Manaus, contra a Colômbia, às 21h45, e pegará um jatinho na manhã de quarta rumo à capital paulista. Para o companheiro de time e "parça" Tchê Tchê, o esforço é válido e possível. 

- Difícil responder, porque hoje em dia o jogo exige um nível muito alto de corrida e mental também. Eu acho que eu conseguiria, mas, no caso, eu não tenho nada a ver com isso (risos). É o Gabriel. Não que eu não queira estar na Seleção, né? - brincou Tchê Tchê em entrevista coletiva nesta terça-feira, na Academia de Futebol. 

Tchê Tchê também evitou dar pistas sobre o time que vai a campo nesta quarta-feira, contra o São Paulo. Se Gabriel Jesus não tiver condições de atuar, a tendência é que o Palmeiras tenha em campo Rafael Marques ao lado do capitão Dudu e do camisa 14 Erik. Para o volante, quem entrar conseguirá dar conta do recado no Choque-Rei. 

- Rafael é um jogador excelente, tem muitas qualidades nos ajuda até mesmo na bola parada. A equipe sempre procura se adaptar aos jogadores que entram, por isso, se Jesus jogar ou não, quem entrar vai conseguir ter uma boa atuação. A gente vai entrar respeitando. A gente não tem nada a ver com a fase do São Paulo. Não estamos interessados no que diz respeito a equipe deles, e sim em manter um alto nível de atuação - completou Tchê Tchê. 

O plano do Palmeiras para deixar Gabriel Jesus à disposição de Cuca para a partida de quarta-feira consiste em deixar o garoto ter uma boa noite de sono logo após o compromisso da Seleção Brasileira e buscá-lo no jatinho da presidência em Manaus no fim da manhã do dia seguinte. Chegando em São Paulo, Jesus vai direto à concentração palmeirense, onde será avaliado pela comissão técnica e terá o período da tarde para descansar.