LANCE!
13/11/2016
17:18
São Paulo

Róger Guedes pode ser mais um atleta a deixar o Palmeiras no fim da temporada. Um dos destaques do líder do Brasileiro, o atacante teria sido procurado por Milan e Internazionale. César Botega, empresário do jogador, confirmou o interesse dos clubes em entrevista ao jornal "Calciomercatto".

- Muitos clubes tem acompanhado o Róger nestes últimos meses porque ele tem talento. Os dois clubes (Inter e Milan) mostraram interesse, outros times também, mas ainda não houve uma proposta oficial - afirmou o agente.

Entre os "outros times" que estariam interessados em Róger Guedes estaria o Barcelona. Segundo César, representantes do clube catalão vieram ao Brasil para monitorar Gabriel Jesus, mas também notado o talento do camisa 23.

- Eu vou ser honesto, o Barcelona tinha vindo no Brasil para tentar obter Gabriel Jesus, mas é claro que eles perceberam, em seguida, as qualidades de Róger. No entanto, não foi assinado qualquer acordo, pelo que não há direito de preferência - esclareceu Botega, que também estipulou um valor para tirar o atleta do Verdão no fim da temporada.

- O Palmeiras ainda não definiu um preço, mas eu acredito que uma oferta de 15 milhões de euros (R$ 55 milhões) deve ser suficiente para fechar uma negociação pelo jogador - explicou o agente. 

O atacante de 20 anos chegou ao Palmeiras em abril, vindo do Criciúma. Para contar com o jogador, a diretoria do Verdão emprestou quatro atletas ao time catarinense e ainda desembolsou R$ 2,5 milhões por 25% dos direitos econômicos de Róger. Posteriormente, adquiriu mais 25% do atleta pelo valor de R$ 5 milhões. O lucro do clube alviverde, nesse caso, seria de R$ 15 milhões.


Apesar das sondagens,  Róger Guedes repete o discurso de Gabriel Jesus, acertado com o Manchester City, e garante que o foco agora é na conquista do título brasileiro. A quatro rodadas do fim, o Verdão lidera o torneio, com 70 pontos - seis a mais que o vice-líder Santos e sete a mais que o Flamengo. 

- Roger está focado em ser campeão com o Palmeiras, mas ele sabe do interesse desses clubes. Ele não tem preferência, pois são dois grandes clubes. Seria uma honra para ele - completou Botega.