Cruzeiro x Palmeiras (Foto:Celio Messias/Lance!press)

Em jogo bastante nervoso, Palmeiras e Cruzeiro ficaram apenas no 0 a 0  (Foto:Celio Messias/Lance!press)

Thiago Ferri
14/10/2016
09:25
Araraquara (SP)

Com as vitórias de Flamengo e Atlético-MG, a vantagem do Palmeiras na ponta do Brasileiro encurtou mais uma vez. A um ponto do Rubro-Negro e a cinco do Galo restando oito rodadas, o elenco já está preparando os nervos para a reta final do Campeonato Brasileiro.

O segundo tempo do empate sem gols com o Cruzeiro mostrou a tensão dos jogadores e da torcida que estava na Fonte Luminosa. Edu Dracena, que já ganhou duas vezes o Nacional, entendeu o ambiente em Araraquara (SP). 

- Lógico que queremos dar a vitória para o torcedor. Da mesma forma que nós jogadores, eles também estão na ansiedade pelo título. Deixamos claro que não seria fácil. É uma disputa ponto a ponto, sabemos da dificuldade. O Atlético também está brigando pelo título, junto com o Flamengo. Vamos ter de lidar com isso até o final - explicou o camisa 3.

Embora líder em 21 das 30 rodadas do Brasileiro, o Palmeiras ainda não conseguiu abrir muita vantagem para o Flamengo.  Sem perder há 13 jogos, Cuca já avisou: não é motivo de apavoro a reaproximação dos adversários.

- Às vezes temos que colocar a mão na consciência. Será que não estamos querendo demais? Será que os outros também não têm qualidade? Eu estou muito tranquilo. Dentro de um contexto, o dia que perder uma partida, se perder, vou ter o mesmo equilíbrio do que quando ganho. O campeonato é difícil - avisou o treinador.