Fernando Prass concede coletiva em Rosário (FOTO: Fellipe Lucena)

Fernando Prass foi fixado por Cuca como capitão (FOTO: Fellipe Lucena)

LANCE!
15/04/2016
08:05
São Paulo (SP)

O Palmeiras consolidou o seu adeus à Libertadores na noite desta quinta-feira e já tem de se preocupar com as quartas de final do Paulistão, contra o São Bernardo, a partir desta sexta. Foi com esse pensamento que o goleiro e capitão Fernando Prass deixou o Allianz Parque após a inútil vitória por 4 a 0 sobre o River Plate uruguaio.

- Agora ficou para trás, não dá para ficar lamentando. Temos que concentrar no São Bernardo. A Libertadores não vai voltar mais. Podemos transportar isso para o Paulista - disse o camisa 1, já preocupado com o jogo único de segunda-feira, novamente no Allianz Parque.

- A eliminação dói e tem que doer, frustrar, mas amanhã (hoje) vamos nos reapresentar e já tem que estar com a cabeça no Paulista. Mais quatro jogos, podemos estar comemorando um título - completou.

Embora tente deixar no passado a competição sul-americana, o goleiro não titubeia ao ser questionado sobre o jogo fundamental para a desclassificação. Para ele, foi a derrota por 2 a 1 para o Nacional (URU) em casa.

- Na minha opinião, a gente perdeu a classificação contra o Nacional aqui. A gente conseguiu complicar dois times do nosso grupo, que foram o River e o Rosario. Empatamos na casa deles, fizemos quatro pontos contra esses dois e eles só um contra a gente. De repente um empate naquele jogo contra o Nacional e a gente estaria classificado - concluiu.