Hyoran

Hyoran durante entrevista coletiva na Academia de Futebol, nesta terça-feira (Foto: Thiago Ferri)

LANCE!
10/07/2018
11:49
São Paulo (SP)

Hyoran terminou como o artilheiro do Palmeiras na intertemporada pela América Central, com quatro gols em três jogos. Titular em todos os amistosos, o meia-atacante diz que o trabalho no Panamá e Costa Rica atingiu o propósito de fortalecer o relacionamento entre os jogadores e prepará-los melhor fisicamente para a sequência da temporada.

- A gente teve bastante trabalho pensando na parte física, mas o Roger implementou algumas coisas novas, também. Temos mais dias de trabalho até a retomada no Brasileiro e com certeza ajudou para a gente trabalhar algo a mais e fazer jogos consistentes no restante do ano - pontou.


Para o camisa 28, se a programação feita durante a viagem ocorresse em São Paulo, a convivência não seria tão grande entre os jogadores. E as "resenhas" estiveram entre os destaques deste período.

- Se a gente ficasse estes dez dias no Brasil, não ficaríamos concentrados no CT. Lá ficamos no hotel, com descontração, além da parte social que foi legal por levar uma palavra às crianças (no Panamá). Vemos o que passamos para chegar até aqui e valorizamos ainda mais. A resenha, a convivência nos dez dias vamos levar para o resto do ano para fazer bons jogos e conquistar títulos, que é o que a gente deseja - contou.

- Teve bastante resenha, brincamos, saímos, demos uma volta para conhecer o Panamá. Foi bom todos se unindo, sabendo a liberdade para brincar. Vamos ganhar o respeito um do outro e isto com certeza ajuda a gente - completou.

Dos quatro gols marcados por Hyoran durante os amistosos, três saíram nos 6 a 0 sobre a Liga Alajuelense, da Costa Rica. Os outros jogadores que balançaram as redes durante a viagem foram: Bruno Henrique (duas vezes), Gustavo Scarpa (duas vezes), Willian (uma vez) e Deyverson (uma vez).