Tobio

Fernando Tobio se reapresenta ao Palmeiras após término de empréstimo no Boca Juniors, dia 18 (Foto: Divulgação)

LANCE!
29/06/2016
19:39
São Paulo (SP)

O zagueiro Fernando Tobio externou nesta quarta-feira toda sua insatisfação com a conduta do Boca Juniors (ARG) durante as negociações com o Palmeiras pela renovação de seu empréstimo. O beque ficará no time de Buenos Aires apenas até o próximo dia 18 de julho, quando retorna ao Brasil para se reapresentar ao Verdão, com quem tem contrato até 2019. Segundo ele, o time argentino não se esforçou o suficiente para que ficasse por mais tempo. 

- O esforço que eu podia fazer, eu fiz. Não sei se o Boca fez a parte dele como deveria, mas me cabe apenas cumprir o contrato e voltar ao Brasil no dia indicado. O acordo assinado foi esse, até dia 18 de julho, nunca foi até o final da Copa (Libertadores). Deixei coisas de lado para jogar por este clube, avalio que meu desempenho foi bom durante o período, fiz o que tinha que fazer - disse, e logo completou: 

- O Boca não se esforçou para que eu ficasse. Eu estava disposto a ficar, queria me sentir um jogador importante. Não acho um absurdo o valor que pediram por mim, notamos o que gastam com outros jogadores. Mas é o clube que gerencia seu dinheiro e os jogadores que quer em seu plantel, não posso mais fazer nada. 

As semifinais da Libertadores serão disputadas pelo Boca Juniors nos dias 7 e 14 de julho. Com isso, Tobio está descartado em uma eventual final, caso o clube vença o Independiente del Valle (EQU). 

Se quisesse exercer o direito de compra do beque de 26 anos, o Boca teria que desembolsar 2,25 milhões de dólares (cerca de R$ 9 milhões) por 50% de seus direitos econômicos, valor previsto em contrato. No Verdão, Tobio terá a concorrência do jovem Thiago Martins, do titular absoluto Vitor Hugo, do experiente Edu Dracena, de Roger Carvalho e do recém-chegado Yerry Mina.