Reunião

Jogadores conversam depois da vitória sobre o Sport, no domingo. Foco total no fim de ano (Foto: Cesar Greco)

Thiago Ferri
26/10/2016
09:15
São Paulo (SP)

Diretoria e comissão técnica decidiram blindar o elenco antes do jogo contra o Santos. Por isso, as únicas entrevistas na Academia de Futebol serão as coletivas depois dos treinos. O clube quer evitar que o clima de empolgação pela boa vantagem na liderança chegue ao grupo e atrapalhe na reta final.

Normalmente, Cuca já fecha parte dos treinos para ter privacidade e realizar testes no time. A cada rodada, o técnico tem se esforçado para não deixar seus jogadores se empolgarem com o atual momento - com 67 pontos, o Verdão lidera e tem seis pontos de vantagem sobre o Flamengo, segundo lugar.

Após as vitórias sobre Figueirense e Sport, as duas últimas do Palmeiras no Brasileiro, o técnico reuniu seus atletas ainda no campo para dar esse recado. Com o Verdão líder em 23 das 32 rodadas do campeonato, os comandados parecem ter entendido bem o que o comandante pediu.

– Só dependemos de nós (o título), isto não há dúvida. Mas nosso foco sempre foi pés no chão, temos só três jogadores que ganharam o Brasileiro, um elenco que muitos não tiveram a felicidade, tem de estar focado. Estamos próximos de ser campeões, não tem por que achar que já está ganho, porque aí você coloca tudo a perder – justificou Moisés.