Jean e Régis em jogo-treino no Uruguai (foto: César Greco)

River (URU) e Palmeiras fizeram um jogo-treino: Régis e Jean jogaram (Foto: César Greco)

Thiago Ferri
21/01/2016
18:58
Enviado Especial a Montevidéu (URU)

Os reservas do Palmeiras não tiveram dificuldades e golearam o River Plate (URU) por 4 a 0, em jogo-treino disputado na tarde desta quinta-feira, no estádio Federico Saroldi, em Montevidéu (URU). A atividade marcou a "estreia" de Jean e contou com uma boa atuação de Régis, que marcou uma vez e deu duas assistências. Erik, Thiago Santos e Rafael Marques fizeram os outros gols. Clique aqui e veja como foi o teste lance a lance.

Marcelo Oliveira aproveitou a atividade para usar aqueles que pouco atuaram ou nem entraram em campo contra o Libertad (PAR), na quarta. O time começou com: Vagner; João Pedro, Roger Carvalho, Thiago Martins e Egídio; Thiago Santos e Moisés; Allione, Régis e Victor Luis; Erik. O River uruguaio pode cair no grupo do Palmeiras na Copa Libertadores: a equipe disputa um mata-mata na primeira fase, contra a Universidad de Chile pela vaga. A equipe da casa disputou o teste desta quinta com uma mescla de reservas e titulares.

Os suplentes alviverdes apresentaram desde o começo o mesmo padrão da equipe titular, jogando no esquema 4-2-3-1 e evitando ao máximo chutões, fazendo com que Thiago Santos e Moisés se revezassem na saída de bola. Quando possível, o Verdão pressionou os uruguaios no campo de ataque e teve na frente dois destaques: Régis e Erik, os principais jogadores da primeira etapa. O atacante, inclusive, após reclamar de um pênalti, fez 1 a 0, de cabeça.

Depois da primeira meia hora, Marcelo Oliveira fez mudanças na equipe: saíram Moisés, Victor Luis e Erik para as entradas de Jean, Taylor e Rafael Marques, respectivamente. Mesmo mexido, o time continuou com o mesmo esquema e a mesma ideia de rodar a bola. Com Jean, o Palmeiras trabalhou mais lances na intermediária, e foi assim que se iniciou a jogada do gol de Rafael Marques, após assistência de Régis.

River (URU) x Palmeiras: jogo treino (foto: César Greco)
Jogadores aquecem antes do teste (foto: César Greco)

O garçom da tarde ainda deixaria o seu em jogada criada por Taylor na linha de fundo, e participou do último gol ao assistir a Thiago Santos, que fez o quarto gol. O River, do técnico Juan Ramon Carrasco, ex-Atlético-PR, teve suas melhores chances em duas cobranças de falta: uma no travessão e outra que parou em boa defesa de Vagner.

A atividade serviu principalmente para que Marcelo mantivesse o padrão usado pelos titulares na equipe reserva e ainda fizesse alguns testes, como Taylor aberto na direita na linha de meias, além de Victor Luis e Egídio na mesma função pelo lado esquerdo, além de começar a usar Jean e Rafael Marques.

O atacante, que jogou aberto durante quase toda a passagem do técnico no Verdão, foi um centroavante móvel durante a atividade, uma opção que chegou a ser usada em alguns momentos por Oswaldo de Oliveira - embora tenha surgido como centroavante, o camisa 19 não gosta de atuar fixo. 

River (URU) x Palmeiras: jogo treino (foto: César Greco)
Régis cobra escanteio no campo do River (foto: César Greco)

Os titulares na vitória contra o Libertad (PAR) fizeram um treino regenerativo no hotel e depois foram para o estádio assistir ao jogo-treino, enquanto Gabriel ainda está em fase final de recuperação da lesão que sofreu no joelho esquerdo, há seis meses. 

Na sexta, o elenco faz um último treino no estádio do Danúbio antes de disputar a final da Copa Antel, contra o Nacional (URU), sábado, às 22h15 (de Brasília), no estádio Centenário.