Thiago Ferri
22/04/2016
12:25
São Paulo (SP)

Apesar dos seguidos rumores de times da Europa interessados em contratar Gabriel Jesus, seu empresário, Cristiano Simões, diz que ainda não há propostas pelo atacante do Palmeiras. De acordo com o agente, não há planos de tirar o camisa 33 do Verdão ao menos até a Olimpíada no Rio de Janeiro, que acontecerá entre os dias 3 e 21 de agosto.

- Não vamos pensar em nada antes da Olimpíada. Mas a gente precisa receber a proposta, vai depender de qual será seu desempenho em campo, o interesse de outras equipes, como estará a economia. Tudo isto influi - analisou Simões.

- A gente não quer que ele vá para qualquer clube a qualquer custo. Não vai ser só visando dinheiro, vai ser tudo ao seu tempo, de forma transparente, vamos tratar com o clube, com a família e com ele - acrescentou.

Gabriel foi promovido aos profissionais no começo do ano passado e é uma das grandes revelações do Palmeiras nos últimos anos. Seu contrato vence no fim de 2019 e foi atualizado há um mês, quando o jogador teve um aumento.

Sua multa para times do exterior é de 40 milhões de euros (R$ 160,7 milhões), mas seus direitos econômicos são divididos. O Verdão tem 30%, o atacante outros 15%, além de 32,5% para o atual empresário, Cristiano Simões, e 22,5% para Fábio Caran, que era seu agente, também.

Gabriel vem sendo convocado para a Seleção sub-23 com frequência e deve disputar os Jogos Olímpicos no Brasil, marcados para depois da abertura da janela de transferências no meio do ano para a Europa. Por conta do calendário, o estafe do jogador admite até prolongar o prazo para negociar uma venda para o exterior.

- A Olimpíada vai terminar em setembro, pode acontecer também de esticar e ele ficar até o fim do ano. O Gabriel está há três anos no Palmeiras, e este é o tipo de coisa que não se faz do dia para a noite. Depende muito dele. Se ele resolver ficar, não vamos nos opor. Quem decide é o atleta - encerrou.

Embora Juventus, Roma, Benfica, Manchester City já tenham sido colocados por jornais europeus como possíveis destinos do atacante, Cristiano Simões diz que foi contatado apenas por intermediários, que gostariam de receber a autorização para abrir tratativas. Até agora isto não dado. Por enquanto, Jesus segue, como disse na quinta-feira, com a "cabeça só no Palmeiras".