Thiago Ferri
12/06/2016
08:00
São Paulo (SP)

Há dois meses sem jogar, Edu Dracena voltará a ser titular do Palmeiras neste domingo, às 16h, justamente contra seu ex-clube, o Corinthians. No Dérbi desta tarde, no Allianz Parque, o camisa 3 formará uma dupla de zaga estreante ao lado do jovem Thiago Martins.

Campeão brasileiro pelo Corinthians em 2015, Dracena foi reserva em boa parte da última temporada. Internamente, sua relação com Tite ficou marcada por questionamentos das duas partes e até por isso o zagueiro aceitou o desafio de trocar a equipe alvinegra para jogar em seu maior rival.

Só que o início no Palmeiras não foi aquele sonhado pelo zagueiro. O time não embalou com Marcelo Oliveira, quem pediu sua contratação, e Cuca chegou para seu lugar. Edu até foi titular no início do trabalho com o atual técnico, mas sua última partida aconteceu no dia 6 de abril, contra o Rosario Central, na Argentina. Naquela ocasião, o Verdão jogou com três zagueiros: ele, Thiago Martins e Vitor Hugo.

'Para mim, que já estou
com 34 anos, é
fundamental ter a
moral do treinador,
a confiança das
pessoas. Isto reflete
quando entra em
campo', Dracena, ao LANCE!, em janeiro

Dali para frente, os outros dois foram os que mais jogaram. Dracena ainda parou por mais de duas semanas em maio, com uma lesão na coxa direita. Totalmente recuperado do problema físico, o camisa 3 treinou durante esta semana entre os titulares junto de Thiago.

Uma vitória contra o Corinthians fará o Palmeiras ultrapassar o rival e manter-se próximo do líder Internacional, que venceu ontem. Além disso, prolongaria a atual sequência invicta do Alviverde no Dérbi: são quatro jogos, desde a semifinal do Paulista de 2015.

Para Edu Dracena, ajudar a bater seu ex-clube lhe trará um sabor especial. É a chance de o experiente zagueiro provar que ainda pode, de fato, ser importante em um grande clube, como disse em sua apresentação, em janeiro.