Fellipe Lucena e Thiago Ferri
26/04/2016
21:03
São Paulo (SP)

Palmeiras e Cruzeiro anunciaram na noite desta terça-feira uma troca envolvendo dois jogadores de cada clube. Enquanto o Verdão cederá o lateral-direito Lucas e o meia Robinho, a Raposa liberará o lateral-direito Fabiano e o lateral-esquerdo/meia Fabrício.

O negócio é por empréstimo. Robinho ficará até o fim de 2017 na Toca da Raposa, mesmo período que Fabrício permanecerá no Palestra. Lucas jogará em Belo Horizonte até o fim deste ano, mesmo prazo de Fabiano na Academia de Futebol. Seu contrato com o Cruzeiro vence apenas em 2020.

De acordo com o site oficial de ambos os clubes, os jogadores chegarão aos seus novos endereços nos próximos dias para a realização de exames médicos e confirmação da transação. Os detalhes contratuais devem ser anunciados nos após a assinatura dos vínculos.

O lateral-direito Fabiano, que também já atuou como zagueiro, tem 24 anos e foi formado nas categorias de base da Chapecoense, estava no Cruzeiro desde 2015. Ele teve seus direitos econômicos adquiridos por um grupo de investidores pouco antes de sua ida para a Raposa, por R$ 4 milhões. Nesta quarta, o estafe do atleta discutirá com o clube celeste o acerto de valores relacionados a esta dívida, além de definir últimas bases do novo acordo com o Palmeiras, como cláusula de compra após o empréstimo. Sua contratação foi um pedido do técnico Cuca.

Já o lateral-esquerdo Fabrício, que vinha atuando como meia, está com 29 anos e tem passagens por Portuguesa e Internacional, antes de chegar ao time de Minas Gerais. Na visão da comissão técnica alviverde, o atleta chega para ser mais uma opção no meio de campo.

Fabiano disputou 33 partidas e marcou um gol com a camisa do Cruzeiro, enquanto Fabrício atuou em 41 jogos e também balançou a rede uma vez. Robinho passou por Santos, Avaí e Coritiba antes de se destacar pelo Palmeiras em 2015, com golaços sobre o rival São Paulo e o título da Copa do Brasil. Com a camisa palmeirense, o meia fez 75 jogos e 11 gols. O camisa 27 renovou recentemente seu contrato até o fim de 2019 e era titular tanto com Marcelo Oliveira quanto no início da passagem de Cuca.

Lucas, de 28 anos, já jogou por Figueirense, São Bento e Botafogo antes do Verdão, onde participou de 75 partidas e marcou quatro gols. Após uma boa temporada em 2015, o camisa 2 começou mal 2016 e tornou-se reserva com a chegada de Cuca. Seu contrato com o Verdão vence apenas no fim de 2017.