Robinho

Robinho será titular na tarde deste domingo (Crédito: Ag. Palmeiras)

Fellipe Lucena
08/11/2015
10:15
São Paulo (SP)

Sem Arouca, ainda em estágio de recondicionamento após lesão no joelho direito, o técnico Marcelo Oliveira escalará pela quarta vez a formação tática com um volante de marcação (Thiago Santos) ao lado de Zé Roberto e Robinho no meio de campo. O time venceu as três partidas que disputou com esse desenho tático e buscará novo triunfo às 17h deste domingo, contra o Vasco, no Allianz Parque.

Foi assim nas vitórias contra Cruzeiro (3 a 2 – Amaral, Robinho e Zé Roberto), Joinville (3 a 2, com o mesmo trio) e Figueirense (2 a 0 – Thiago Santos, Robinho e Zé Roberto). A equipe não fez apresentações primorosas nestas partidas, mas esse é o esquema mais eficiente em jogos sem a dupla Gabriel e Arouca.

Depois que Gabriel se machucou, em agosto, o Palmeiras venceu dez partidas, cinco delas com Arouca em campo. Com o camisa 5 lesionado, além das três partidas já citadas, o time só venceu uma vez com dois volantes de marcação no meio de campo (Avaí) e uma outra com Matheus Sales ao lado de Amaral (jogo de volta contra o Fluminense).

Matheus Sales, titular nas últimas três partidas, perdeu a vaga para Egídio, passando Zé Roberto para o meio. Marcelo Oliveira argumentou que deseja uma equipe mais ofensiva.