Etapa na Bélgica em 2015

Foto: MXGP

Gabriel Ibrahim
05/08/2016
13:12
Brasil

Depois de Lommel na Bélgica, é a vez da Suíça receber mais uma etapa da reta final do Campeonato Mundial de Motocross.

A areia traiçoeira de Lommel era um desafio para os pilotos, e agora no circuito suíço de Frauenfeld-Gachnang eles enfrentam o desconhecido em uma pista recém-modelada especialmente para o Mundial.

Nesta décima quinta etapa de Campeonato mais surpresas podem acontecer, já que nas duas últimas disputas quem subiu ao pódio foram pilotos que não haviam ganhando nesta temporada ainda.

Na categoria principal o esloveno Tim Gajser segue na liderança do Campeonato mas não conseguiu vitória nos últimos pódios na República Tcheca e na Bélgica. O piloto suíço Valentin Guillod é um dos favoritos para vencer em casa.

O alemão Max Nagl e o belga Kevin Strijbos foram os campeões das últimas etapas. Strijbos está longe de alcançar a liderança. Já Nagl está em terceiro apenas 14 pontos atrás do segundo colocado, Antonio Cairoli.

Romain Febvre está na quarta colocação. Ele havia sofrido um acidente na 11ª etapa na Inglaterra e voltou apenas na 13ª etapa da República Tcheca. Ele se recuperou bem e segue na briga pelo pódio.

Quem ainda está se recuperando é o líder da MX2, Jeffrey Herlings,. Há uma possibilidade de o piloto retornar nesta etapa, mas conforme ele já havia declarado a imprensa, ele só deve voltar a competir quando estiver 100% recuperado da fratura na clavícula. Para a etapa deste fim de semana a chance é pequena, mas para a disputa seguinte em Assen, na Holanda, Herlings garante que estará na pista.