CIRCUITO MUNDIAL: Alison/Bruno, Álvaro/Saymon e Evandro/André vão às oitavas de final nos EUA

Três duplas brasileiras chegam às oitavas no masculino 

LANCE!
10/02/2017
13:50
São Paulo (SP)

O Brasil colocou três duplas nas oitavas de final do Major Series de Fort Lauderdale, nos Estados Unidos. Na última quinta-feira, foi encerrada a fase de grupos e a repescagem, com um time avançando em primeiro na chave (Álvaro/Saymon) e dois se classificando pela repescagem (Evandro/André e Alison/Bruno).

Os jogos seguem nesta sexta-feira, com oitavas e quartas de final. Em lados opostos no cruzamento, as duplas brasileiras só se enfrentam em uma eventual disputa de semifinal, aumentando as chances de medalhas.

Álvaro e Saymon (PB/MS) fecharam a participação na fase de grupos com vitória por 2 sets a 0 (21/19, 21/15) sobre os austríacos Kunert/Dressler, fechando em primeiro lugar no grupo H. Assim, evitaram a repescagem e foram direto às oitavas de final, onde encaram os suíços Beeler/Krattiger. O paraibano Alvinho avaliou o desempenho da dupla.

- Jogamos o country quota, depois tivemos o Circuito Brasileiro, na sequência disputamos o qualificatório. Foram várias etapas para chegar até aqui. É muito importante dar esse passo a mais, sair em primeiro no grupo. Aqui o nível está muito alto, todo jogo é muito difícil. Mesmo quando o duelo é contra um time com pior ranking, sabe que vai ter que dar 100%. Estou muito feliz, é importante começar bem o campeonato, agora vamos nos preparar para as oitavas de final - disse o paraibano medalhista de prata do Pan de Toronto-2015.

Alison e Bruno Schmidt (ES/DF) tiveram um caminho mais longo. Apesar de terem vencido os alemães Bockermann e Fluggen por 2 sets a 0 (21/15, 21/19) na fase de grupos, terminaram em segundo lugar na chave C e foram para a repescagem.

No jogo eliminatório, saíram atrás, mas viraram contra os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt por 2 sets a 1 (19/21, 21/15, 18/16), conseguindo seguir adiante na competição. Nas oitavas de final, nesta sexta-feira, vão enfrentar os poloneses Losiak e Kantor.

Já Evandro e André avançaram ao superarem os austríacos Doppler e Horst por 2 sets a 1 (21/18, 19/21, 16/18), em um jogo aplaudido de pé pelo público. Eles haviam encerrado a fase de grupos com derrota por 2 sets a 1 (21/15, 19/21, 11/15) para os norte-americanos Hyden e Doherty, ficando em terceiro na chave e obrigando a disputa da repescagem.

Pedro Solberg e Guto foram surpreendidos e caíram na repescagem do torneio. Derrota por 2 sets a 0 (21/14, 21/19) para os canadenses Mike Platinga e Grant O’Gorman. Mais cedo, pela fase de grupos, eles acabaram superados pelos poloneses Fijalek e Bryl por 2 sets a 1 (16/21, 21/11, 13/15), fechando em segundo e obrigando a disputa da repescagem.

Ricardo e Harley (BA/DF), que tinham perdido duas na estreia, voltaram a ser superados e deram adeus ao torneio. Eles perderam por 2 sets a 1 (21/17, 15/21, 15/13) para os austríacos Doppler e Horst, ficando na quarta colocação do grupo A.