Medalista olímpico, Torben Grael, com os meninos da Clínica Energisa de Vela Jovem (Foto: Fred Hoffmann/CBVela)

Torben Grael com os meninos da Clínica Energisa de Vela Jovem (Foto: Fred Hoffmann/CBVela)

RADAR/LANCE!
05/06/2016
14:30
Rio de Janeiro (RJ)

Com participação do cinco vezes medalhista olímpico Torben Grael, atual Coordenador Técnico da Equipe Brasileira de Vela para os Jogos Rio 2016, a Confederação Brasileira de Vela (CBVela) realizou neste fim de semana a Clínica Energisa de Vela Jovem. Nos dois dias de evento, no Iate Clube do Rio de Janeiro, na Urca, cerca de 40 atletas com menos de 18 anos tiveram a oportunidade de experimentar os barcos das classes Laser Radial, 420 e 29er. A clínica faz parte do trabalho da CBVela no desenvolvimento de novos velejadores e contou com apoio do Grupo Energisa, parceiro oficial e patrocinador oficial da Vela Jovem.

- Temos realizado com frequência estes eventos de Vela Jovem, procurando atrair a garotada que deixa o Optimist, barco em que a criança aprende a velejar, para a vela olímpica. Temos várias classes de transição entre o Optimist e as classes olímpicas e estes eventos são bons para mostrar os barcos para eles, colocá-los em contato com velejadores olímpicos e mostrar que não é algo tão distante assim - afirmou Torben Grael.

Nos dois dias, os jovens velejadores tiveram reuniões com atletas e técnicos e treinamento na água. Torben marcou presença no sábado, conversou com os jovens atletas e foi para a água acompanhar o treinamento. Além dele, participaram da clínica Alexandre Paradeda, diretor da Vela Jovem e técnico da dupla olímpica de 470, Henrique Haddad e Bruno Bethlem; Alexandre Saldanha, técnico de Robert Scheidt na classe Laser; e Mario Tinoco, técnico da dupla olímpica de 49er, Marco Grael e Gabriel Borges.

Medalhista de bronze na classe 470 em Pequim-2008 ao lado de Isabel Swan e classificada para a Rio-2016 com a parceira Ana Luiza Barbachan também na 470, Fernanda Oliveira classificou como importante o trabalho da CBVela com a juventude.

- Foi muito bom a confederação ter criado estes eventos, ainda mais nesta época propícia por conta dos Jogos Olímpicos do Rio. Isso pode aumentar o desejo pela prática do esporte e trazer essas crianças para o mundo da vela - disse a velejadora.

A Clínica Energisa de Vela Jovem foi mais uma etapa na preparação dos atletas para a disputa da Copa da Juventude, entre os dias 10 e 14 de outubro, no Iate Clube do Rio de Janeiro. A competição é seletiva para o Mundial da Juventude, que será realizado em Auckland, na Nova Zelândia, em dezembro.