Genzebe Dibaba é uma das favoritas ao ouro na Rio-2016 (Foto: AFP PHOTO / Mark Ralston)

Genzebe Dibaba é uma das favoritas ao ouro na Rio-2016 (Foto: AFP PHOTO / Mark Ralston)

LANCE!
20/06/2016
20:22
Rio de Janeiro (RJ)

A polícia da Espanha prendeu nesta segunda-feira o técnico da etíope Genzebe Dibaba, recordista mundial dos 1.500m, 3.000m e 5.000m no atletismo.

O somali Jama Aden foi detido em Sabadell (ESP), em operação que investiga o tráfico de substâncias dopantes, como EPO (eritropoietina, que ajuda a melhorar o desempenho de atletas).

Além do treinador, de 53 anos, também foi detido um dos seus fisioterapeutas, de origem marroquina. O nome dele não foi divulgado.

A prisão aconteceu três dias depois que a Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) manteve a punição aos russos de ficar de fora dos Jogos Olímpicos do Rio por causa dos escândalos de dopagem no país.