Fernando de Carvalho Lopes

Técnico acusado de abuso é investigado por desvio de verba (Foto: Divulgação/CBG)

LANCE!
16/05/2018
19:53
Rio de Janeiro (RJ)

Mais uma investigação para o treinador Fernando de Carvalho Lopes. Além das acusações sobre abuso e assédio sexual, o Ministério Público de São Paulo apura sobre desvio de verba pública do Bolsa Atleta, pagas pela prefeitura do Estado e destinadas aos atletas treinados pelo técnico. A informação foi divulgada pelo Globo Esporte.  

Pelo menos dez atletas relataram que Lopes fazia com que os atletas assinassem recibos de até R$ 3.500, porém apenas uma parcela do valor era repassado. Uma das vítimas de abuso sexual, em depoimento ao Ministério Público, confirmou o fato. 

- Quando treinava, Fernando apresentava recibos de até R$ 3.500, mas apenas recebia parte dessa quantia. Que esse valor se referia à verba para a ginástica, que vinha da Prefeitura, mas que deveria ser distribuída para outros gastos como manutenção, aparelhos e outros. E que ele (Fernando) dizia que os treinadores não deviam receber o dinheiro diretamente da Prefeitura porque era destinado aos atletas - disse ao "Globo Esporte". 

Além do técnico, a supervisora do clube de São Bernardo, Mesc (Movimento de Expansão Social Católica), Ivonete também participava do esquema, por pelo menos três anos.