Dupla brasileira luta para chegar à regata da medalha

Robert Scheidt conquistou cinco medalhas olímpicas

LANCE!
29/03/2017
16:05
São Paulo (SP)

Na estreia da flotilha ouro, Robert Scheidt e Gabriel Borges seguem no top-20 da classe 49er do Troféu Princesa Sofia. Nesta quarta-feira, no Club Nàutic S’Arenal e no Club Marítimo San Antonio de la Playa, na Baía de Palma de Mallorca, na Espanha, os brasileiros disputaram três regatas e cruzaram a linha de chegada em 21º, 13º e 11º lugares. Com isso, mantiveram a 19ª posição na classificação geral, com 91 pontos perdidos. A liderança é dos britânicos James Peters e Fynn Sterritt, com 29 pontos perdidos.

Disputada pelos 25 melhores barcos da fase de classificação, a flotilha ouro segue nesta quinta-feira, com mais três regatas. A dupla Scheidt/Borges continua na luta para alinhar na medal race, realizada neste sábado, quando as dez parcerias mais bem classificadas competem pelo título da competição.  A outra dupla brasileira da disputa, Carlos Robles/Marco Grael, subiram para o 14º lugar, com 84 pontos.

Robert contou que esta quarta-feira foi um dia de superação.

- Tivemos problemas na primeira regata. Colidimos com um barco da Suécia e tivemos que cumprir penalidade, o que prejudicou um pouco a nossa prova e terminamos em 21º. Depois fomos melhorando e conseguimos fazer 13º e 11º. Pelo alto nível da flotilha ouro, conseguir velejar próximo dos 10 primeiros é um feito bem importante para nós, que ainda buscamos experiência na 49er. Uma pena mesmo a primeira prova, mas o importante é que recuperamos. Ainda faltam seis corridas até a medal race e vamos tentar melhorar a nossa média para terminar entre os dez melhores e ir para a final.