icons.title signature.placeholder Hugo Mirandela
icons.title signature.placeholder Hugo Mirandela
25/08/2015
13:03

Recordista de vitórias em etapas do Tour do Rio, com cinco triunfos no total, sendo três em 2014, o brasileiro Rafael Andriato está otimista para disputar mais uma edição da competição, que começa nesta quarta-feira. O ciclista, que é da equipe italiana Southeast Pro Cycling Team e da Seleção Brasileira, diz que a prova este ano estará mais difícil com as mudanças no percurso, mas vem para aumentar seu número de vitórias.

- Minha expectativa é boa. É minha quinta participação no evento. Esse ano tem algumas mudanças no trajeto, complicou mais um pouquinho, com mais áreas montanhosas. Mas venho aí com o objetivo de brigar pela vitória em etapas – disse o ciclista.

Rafael diz que não fez uma preparação especial para o Tour do Rio, já que está no meio da temporada. Animado com a vitória no Sibiu Cycling Tour, na Romênia, no mês passado, o brasileiro diz que está em boa forma para a sexta edição da competição.

- Eu não tive uma preparação específica para o Tour do Rio. Eu venho fazendo minha temporada normalmente, competindo na Europa. Também disputei o evento-teste de ciclismo para a Olimpíada de 2016 aqui no Rio. Eu estou em uma boa condição física, me sentindo bem. Estou vindo de bons resultados, consegui vitória na Romênia – contou Rafael.

Na edição deste ano, o Tour do Rio terá algumas mudanças no trajeto, com estradas desconhecidas e  até uma passagem por Minas Gerais, na terceira etapa, que sai de Valença para Rio das Flores. O ciclista analisou as novidades na prova e acredita que ela estará mais complicada.

- A prova ficou mais difícil. Este ano alguns trechos da segunda etapa foram modificados e terá mais subidas. A terceira etapa entre Valença e Rio das Flores é nova, desconhecida, mas já vi que é um trecho bem montanhoso. Então a prova esse ano será mais dura – avaliou Rafael, dizendo que agora o ciclista precisará de mais regularidade para vencer a prova, coisa que nos anos anteriores eram decididos na primeira etapa.

- A primeira etapa também é muito difícil. Nas edições passadas a briga foi acirrada e geralmente o Tour do Rio era decidido logo na primeira etapa, com os ciclistas campeões abrindo boa vantagem. Com as mudanças no trajeto e a etapa nova, a prova vai ganhar mais pontos decisivos – completou.

O Tour do Rio terá cinco etapas, com largada no Rio de Janeiro nesta quarta, na praia da Barra da Tijuca, às 11h, e chegada também no Rio, na Quinta da Boa Vista, no domingo. O ciclista e a equipe que completarem as etapas no menor tempo vencem a prova. Ao todo, serão quinze equipes e 90 ciclistas pedalando por quase 800 quilômetros.

PERCURSO 2015:

1ª etapa: Rio de Janeiro - Angra dos Reis (Rio de Janeiro, Seropédica, Itaguaí, Mangaratiba e Angra dos Reis - 158km)
2ª etapa: Angra dos Reis - Valença (Angra dos Reis, Piraí, Barra do Piraí e Valença - 175km)
3ª etapa: Valença – Rio das Flores (Valença, Rio Preto-MG, Juiz de Fora-MG, Matias Barbosa, Simão Pereira, Levy Gasperian e Rio das Flores - 166km)
4ª etapa: Valença - Teresópolis  (Valença, Paraíba do Sul, Três Rios, Areal, Petrópolis e Teresópolis - 153km)
5ª etapa: Teresópolis - Rio de Janeiro (Teresópolis, Guapimirim, Cachoeiras de Macacu, Itaboraí, Tanguá, São Gonçalo, Niterói e Rio de Janeiro - 145km)
Total: 797km


 


Recordista de vitórias em etapas do Tour do Rio, com cinco triunfos no total, sendo três em 2014, o brasileiro Rafael Andriato está otimista para disputar mais uma edição da competição, que começa nesta quarta-feira. O ciclista, que é da equipe italiana Southeast Pro Cycling Team e da Seleção Brasileira, diz que a prova este ano estará mais difícil com as mudanças no percurso, mas vem para aumentar seu número de vitórias.

- Minha expectativa é boa. É minha quinta participação no evento. Esse ano tem algumas mudanças no trajeto, complicou mais um pouquinho, com mais áreas montanhosas. Mas venho aí com o objetivo de brigar pela vitória em etapas – disse o ciclista.

Rafael diz que não fez uma preparação especial para o Tour do Rio, já que está no meio da temporada. Animado com a vitória no Sibiu Cycling Tour, na Romênia, no mês passado, o brasileiro diz que está em boa forma para a sexta edição da competição.

- Eu não tive uma preparação específica para o Tour do Rio. Eu venho fazendo minha temporada normalmente, competindo na Europa. Também disputei o evento-teste de ciclismo para a Olimpíada de 2016 aqui no Rio. Eu estou em uma boa condição física, me sentindo bem. Estou vindo de bons resultados, consegui vitória na Romênia – contou Rafael.

Na edição deste ano, o Tour do Rio terá algumas mudanças no trajeto, com estradas desconhecidas e  até uma passagem por Minas Gerais, na terceira etapa, que sai de Valença para Rio das Flores. O ciclista analisou as novidades na prova e acredita que ela estará mais complicada.

- A prova ficou mais difícil. Este ano alguns trechos da segunda etapa foram modificados e terá mais subidas. A terceira etapa entre Valença e Rio das Flores é nova, desconhecida, mas já vi que é um trecho bem montanhoso. Então a prova esse ano será mais dura – avaliou Rafael, dizendo que agora o ciclista precisará de mais regularidade para vencer a prova, coisa que nos anos anteriores eram decididos na primeira etapa.

- A primeira etapa também é muito difícil. Nas edições passadas a briga foi acirrada e geralmente o Tour do Rio era decidido logo na primeira etapa, com os ciclistas campeões abrindo boa vantagem. Com as mudanças no trajeto e a etapa nova, a prova vai ganhar mais pontos decisivos – completou.

O Tour do Rio terá cinco etapas, com largada no Rio de Janeiro nesta quarta, na praia da Barra da Tijuca, às 11h, e chegada também no Rio, na Quinta da Boa Vista, no domingo. O ciclista e a equipe que completarem as etapas no menor tempo vencem a prova. Ao todo, serão quinze equipes e 90 ciclistas pedalando por quase 800 quilômetros.

PERCURSO 2015:

1ª etapa: Rio de Janeiro - Angra dos Reis (Rio de Janeiro, Seropédica, Itaguaí, Mangaratiba e Angra dos Reis - 158km)
2ª etapa: Angra dos Reis - Valença (Angra dos Reis, Piraí, Barra do Piraí e Valença - 175km)
3ª etapa: Valença – Rio das Flores (Valença, Rio Preto-MG, Juiz de Fora-MG, Matias Barbosa, Simão Pereira, Levy Gasperian e Rio das Flores - 166km)
4ª etapa: Valença - Teresópolis  (Valença, Paraíba do Sul, Três Rios, Areal, Petrópolis e Teresópolis - 153km)
5ª etapa: Teresópolis - Rio de Janeiro (Teresópolis, Guapimirim, Cachoeiras de Macacu, Itaboraí, Tanguá, São Gonçalo, Niterói e Rio de Janeiro - 145km)
Total: 797km