Rubén Magnano foi a jogo do Vasco pela Liga Ouro (Foto: Reprodução/Twitter)

Rubén Magnano foi a jogo do Vasco pela Liga Ouro (Foto: Reprodução/Twitter)

LANCE!
07/05/2016
14:59
Rio de Janeiro (RJ)

Com a presença do técnico da Seleção Brasileira masculina de basquete, o argentino Rubén Magnano, o Vasco bateu Campo Mourão por 81 a 66 neste sábado, em São Januário. O poder coletivo foi o diferencial da equipe comandada pelo técnico Christiano Pereira. Na próxima segunda-feira, o Cruzmaltino enfrenta o mesmo adversário, às 19h30, novamente em casa, para tentar confirmar a primeira colocação e ir à final do torneio nacional, que garante ao campeão uma vaga no NBB.

Assim como na maioria dos jogos, o Vasco foi subindo de produção no decorrer da partida. O time visitante fez boas jogadas ofensivas no início de abriu vantagem no primeiro quarto. O técnico da equipe adversária, Emerson de Sousa, pôs seus comandados para pressionar a armação de jogadas do time vascaíno. Hélio era muito marcado e Gaúcho tentou auxiliar na criação. A defesa eficiente deixou o clube paranaense na frente ao término do período inicial: 19 a 16.

No segundo quarto, Christiano Pereira colocou o argentino Dámian Palacios em quadra. O camisa 10 foi essencial para que o Almirante encostasse no marcador, acertando três cestas de três pontos e empatando o confronto em 35 a 35. Ainda no segundo quarto, o time de São Januário, empurrado pela torcida, virou o duelo. O primeiro tempo encerrou em: 42 a 37 a favor do Vasco. A partir daí, o Gigante do Basquete não saiu mais da frente do placar. Márcio foi importante com nove rebotes, seguido de Drudi, com oito, além de marcar 14 pontos e manter sua média de arremessos certos por jogo.

O período final foi de manutenção do resultado positivo e show nas arquibancadas. Com mais tranquilidade, o confronto terminou em: Vasco 81 x 66 Campo Mourão. Ao final da partida, os jogadores fizeram festa com torcida e cantaram junto dos vascaínos presentes. No próximo encontro, na segunda-feira, o Cruzmaltino precisa de vitória simples, por um ponto, para garantir a vaga na decisão da Liga Ouro. Os dez pontos foram tirados nesta partida, deixando o Gigante do Basquete próximo da liderança. Palacios terminou como cestinha do jogo (19 pontos).