Maratona Aquática -  Poliana Okimoto

Poliana Okimoto terminou a Copa do Mundo no segundo lugar (Foto: Satiro Sodre/SSPress)

LANCE!
15/10/2016
15:13
São Paulo (SP)

Realmente, a temporada de 2016 tem sido especial para a brasileira Poliana Okimoto. Medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto, a nadadora teve mais uma conquista importante neste sábado, ao ficar com o vice-campeonato do Circuito Mundial de maratona aquática (na distância de 10km), em Hong Kong.

Após sete etapas da Copa do Mundo, a atleta do Brasil terminou a competição com 74 pontos. O título acabou com a italiana Rachele Bruni, com 86. A campeã tinha sido prata na Rio-2016. A curiosidade é que as duas competidoras não participaram de todas as etapas no ano, ficando ausentes de duas disputas no Canadá já que estavam em preparação para a Olimpíada. A alemã Angela Maurer terminou o ano na terceira posição, com 61.

– Foi um ano maravilhoso. Consegui a primeira medalha feminina da história dos Esportes Aquáticos do Brasil em Olimpíada, então só tenho de agradecer a torcida de todo mundo e curtir as férias – festejou a brasileira logo após o vice-campeonato.

Poliana chegou ao vice-campeonato mundial ao terminar a etapa de Hong Kong na terceira colocação, com o tempo de 2h17m28s20. A vitória ficou justamente com Bruni, com 2h17m12s70. A também italiana Arianna Bridi acabou no segundo lugar (2h17m28s20), e a Ana Marcela Cunha foi a quarta (2h17m29s60).

O Brasil tem três títulos da Copa do Mundo de maratona aquática de 10km entre as mulheres – o torneio começou em 2007. Em 2009, Poliana foi a campeã. Já em 2010 e 2014, Ana Marcela faturou a competição.