Nuzman Mobile

Nuzman busca mais um cargo político Reprodução

LANCE!
17/11/2016
16:01
São Paulo

Conhecido por seus calorosos discursos durante a Rio-2016, o atual presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e do Comitê Organizador Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, anunciou na tarde desta quinta-feira, durante um evento em Doha, no Catar, que concorrerá a mais um cargo. 

Aos 74 anos, o dirigente irá se candidatar presidência da Organização Pan-Americana de Esportes (Odepa). As eleições ocorrerão em abril do ano que vem , no Uruguai. As informações são do site “Inside the Games”

 Nuzman terá como oponentes: Keith Joseph (secretário-geral do Comitê Olímpico de São Vicente e Granadinas), Richard Peterkin (membro do COI natural de Santa Lúcia), José Joaquín Puello (República Dominicana) e Neven Ilic (presidente do Comitê Olímpico do Chile).

Atualmente, a entidade é comandada interinamente pelo uruguaio Julio Maglione, presidente da Federação Internacional de Natação (Fina), devido ao falecimento do ex-presidente Mario Vázquez Raña.

A data da nova eleição chegou a ser motivo de impasse. Segundo o estatuto da entidade, a votação deve ser realizada sempre no ano seguinte à realização do Campeonato Pan-Americano. Dessa forma, deveria ter ocorrido em 2016. A confusão deu-se por um grupo querer realizar a eleição em fevereiro e outro no final de março, durante a Assembléia Geral da entidade, em Montevidéu. A ultima data tinha como um de seus defensores o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, que revelou desejo de estar presente na ocasião da escolha. Ela acabou aprovada após debate.