Lucas Pastore
12/01/2016
07:10
São Paulo (SP)

Referência do Washington Wizards, postulante a uma das vagas na seleção americana para a Olimpíada do Rio 2016 e candidato a futura estrela da NBA, John Wall tem o privilégio de estar em quadra na temporada de despedida  de Kobe Bryant, do Los Angeles Lakers, um dos maiores jogadores de sua geração. Mas se engana quem acha que será fácil herdar o legado do craque do time angelino. Em entrevista dada a fãs chineses, a estrela contou que se aproximar do alaarmador não é nada fácil.

– Eu não sei se Kobe tem amigos para ser honesto! Ele é uma grande pessoa para te ensinar. Quando ele está jogando, ele é um dos competidores mais duros que já enfrentei. Sinto que ele é imparável. Ele vai competir a todo minuto, a todo segundo. Ele significou muito para a NBA – disse Wall, brincando com a forte personalidade de Bryant.

Aos 25 anos de idade, Wall tem um longo caminho a percorrer se quiser marcar seu nome na história da NBA, como Bryant fez. O jovem armador vem de duas temporadas seguidas em que chegou aos playoffs, mas não conseguiu sequer ir até as finais da Conferência Leste. Nesse ano, a tarefa pode ser ainda mais difícil, já que o Wizards ocupa apenas 12 colocação deste lado da tabela – somente os oito primeiros se classificam.

Para isso, no entanto, Wall sabe que terá de passar por outro craque da geração. Trata-se de LeBron James, um dos atuais campeões do Leste com o Cleveland Cavaliers, hoje líder da conferência.

– Ele sempre vai ser um competidor duro. Você tem de se preocupar com esses caras, mas sinto que temos uma grande oportunidade. A NBA tem muito a ver com sorte. Você tem talento, mas precisa estar saudável nos playoffs – ressaltou.

Wall vai precisar contar com a sorte para chegar aos playoffs e passar por LeBron. Será possível?

Wall acredita que pode jogar o All-Star Game

Na última parcial de votação para o All-Star Game divulgada pela NBA, John Wall aparecia em quinto entre os armadores da Conferência Leste, com 207.274 votos. Só os dois primeiros se garantem como titulares na partida festiva. Mesmo assim, o astro do Washington Wizards acredita que possa disputar o jogo.

– Acho que tenho uma chance. Se nosso time não estiver indo bem, eu  sei que é difícil, mas se o time estiver jogando bem e eu também, acho que tenho uma chance. Eu apenas quero nos dar uma oportunidade de vencer as partidas – afirmou Wall.

Os dois armadores mais votados no Leste são Dwyane Wade, do Miami Heat, com 562.558 lembranças, e Kyrie Irving, do Cleveland Cavaliers, com 271.094. O jogador mais indicado? Kobe Bryant, com 1.262.118.

Veja mais respostas de Wall aos fãs chineses:

Como você escalaria seu time ideal de todos os tempos da NBA?
Magic Johnson, Michael Jordan, Larry Bird, Kareem Abdul-Jabbar e Hakeem
Olajuwon. Existem outros caras jogando agora que podem entrar para essa lista também, mas essa é a lista de jogadores que estão inativos.

Quais são os cinco melhores armadores da NBA hoje?
Armadores? Stephen Curry. Eu. Kyle Lowry está jogando bem. Eu diria que Damian Lillard também. Kyrie Irving estaria nessa lista se não tivesse se
machucado, mas ele já está retomando o ritmo dele.

Qual é o jogador jovem mais promissor da NBA?
Acho difícil dizer. Existem muitos jogadores talentosos. Mas Anthony Davis já provou que é um dos melhores jogadores jovens desse mundo, e eu escolheria ele se tivesse que ser honesto com você.

Como você fez para melhorar seu arremesso de três pontos?
Simplesmente arremessando em melhores situações e não arremessando em situações ruins. Às vezes eu arremesso em situações desfavoráveis, mas só para testar se minha mão está quente. É preciso trabalhar nisso para melhorar. Na última temporada, eu arremessava em situações ruins, agora estou sendo
mais inteligente. Jogar sem a bola às vezes me ajudou também.

Qual o segredo para ter um controle tão bom com a mão ruim?
As pessoas chegaram a achar que eu era canhoto quando era jovem, mas
meu técnico tinha prendido minha mão nas costas por duas semanas.