Judo - Grand Slam de Tóquio

Rafaela Silva já havia conquistado duas medalhas de bronze nesse ano, em Havana (CUB) e Paris (FRA) (Foto: AFP)

LANCE!
19/02/2016
19:20
São Paulo (SP)

O primeiro dia de disputas do Grand Prix de Dusseldorf (ALE) de judô, nesta sexta-feira, não foi proveitoso para os atletas brasileiros. Nenhum deles conseguiu subir ao pódio na competição na Alemanha. O mais próximo que o país chegou de uma medalha foi uma quarta colocação.

E essa "proximidade do pódio" veio com Rafaela Silva, da categoria até 57kg. Nas quartas de final, a atleta foi superada pela japonesa Kaori Matsumoto, atual campeã olímpica, e derrotou a brasileira-israelense Camila Minakawa na repescagem.

Na disputa pela medalha de bronze, porém, Rafaela não conseguiu superar Chen Lien, de Taiwan. Em uma luta sem pontuações, as duas receberam três shidos (punições), e o duelo foi para o Golden Score (prorrogação). Com 14 segundos de confronto, a brasileira recebeu mais um shido e, assim, perdeu o embate.

Além dela, os outros brasileiros que lutaram no dia foram: Nathália Brígida (48kg) e Eric Takabatake (60kg), que caíram logo na estreia, Charles Chibana (66kg), que perdeu na segunda rodada, e Érika Miranda (52kg), que foi derrotada na repescagem, terminando em quinto lugar.

Neste sábado, outros quatro judocas do país sobem ao tatame: Ketleyn Quadros (63kg), Mariana Silva (63kg), Maria Portela (70kg), Marcelo Contini (73kg) e Leandro Guilheiro (81kg).