Jonas Licurgo conquista a prata dramática no dardo no Mundial de Atletismo

Jonas Licurgo foi ouro no Parapan de Toronto-2015 (Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CPB)

LANCE!
15/07/2017
11:34
São Paulo (SP)

Jonas Licurgo deu ao Brasil a segunda medalha no Mundial de atletismo paralímpico de Londres, na Grã-Bretanha. Neste sábado, o carioca de 47 anos conseguiu a prata no lançamento de dardo classe F55, após um início difícil de prova. As disputas são realizadas no Estádio Olímpico, que recebeu os Jogos de Londres-2012.

A medalha veio com a marca de 29,05m - obtida apenas no seu penúltimo lançamento. Anteriormente, Jonas havia queimado três das quatro primeiras tentativas. O ouro ficou com o sérvio Milos Zaric, que registrou 30,83m. Yaser Elsayed, do Egito, fechou o pódio, com 28,63m.

- Não tinha o que fazer. A prova já estava perdida, pelo fato de eu estar com uma cadeira cuja barra de apoio se movimentava muito, então eu dificilmente teria chance de lançar bem. Mas consegui ainda validar uma marca que me deu a oportunidade de ir para a segunda fase. Foi aí que um atleta de outro país pôde me emprestar a cadeira dele. Eu tive uma segunda chance, então, e aí consegui fazer a marca que me deu a medalha de prata - disse o atleta, emocionado, após a prova.

Momentos depois da disputa, Jonas soube que quem o ajudou foi o grego Charalampos Varytimidis, que ficou com a nona colocação. O brasileiro manifestou a ideia de levá-lo à cerimônia de premiação, que ocorrerá antes da sessão da tarde deste sábado.

Jonas ficou paraplégico em 2000, ao levar um tiro enquanto exercia sua função como policial militar. Dois anos mais tarde, começou a praticar esportes apenas por lazer. Passou pelo basquete, pela natação e pelo handebol. Em 2010, experimentou o atletismo e, um ano depois, já estava competindo nas principais provas nacionais.

A manhã deste sábado, também teve outro resultado marcante para o Brasil. O velocista Petrúcio Ferreira quebrou o recorde do Campeonato Mundial nas semifinais dos 100m da classe T47, com o tempo de 10s67. Yohansson Nascimento também classificou-se, mas com o terceiro tempo (10s91). Ambos voltam à pista nesta tarde, às 16h20 (horário de Brasília), para a final. Também estará em ação Fabrício Júnior, velocista da classe T12 (baixa visão). Ele fez 11s20 e entrou na decisão dos 100m com o quarto melhor tempo. Sua prova está marcada para as 17h23.

Além deles, Elizabeth Gomes ficou com a quinta colocação no arremesso de peso, classe F55. Bronze neste evento no Mundial de Doha 2015, a brasileira fez a marca de 6,83m e ficou com a quinta posição. O ouro ficou com Diana Dadzite, da Letônia, com 8,01m. Por fim, Ricardo Costa fez o tempo de 11s60 nas eliminatórias dos 100m T11 (cego total), e não classificou-se para a decisão.

Programação dos brasileiros da tarde deste sábado:


16h20 - Petrúcio Ferreira e Yohansson Nascimento (final dos 100m T47)
17h23 - Fabrício Junior (final dos 100m T12)

O SporTV inicia a transmissão das provas a partir das 15h45. O perfil do CPB no Facebook também exibirá, via streaming, ao vivo, toda a programação do dia.