Rio 2016 - Judô - Mariana Silva

Mariana Silva (- 63kg) foi bronze nos Jogos Pan-americanos Toronto 2015 (Foto: AFP/TOSHIFUMI KITAMURA)

LANCE!
18/11/2016
13:33
São Paulo

Acontece neste final de semana, em Lauro de Freitas, na Bahia, um dos torneios mais importantes do calendário nacional de judô, o Grand Prix Interclubes feminino. A competição coloca frente a frente grandes nomes da modalidade. Além disso, a competição tem estrutura peculiar, já que a disputa é toda feita no formato por equipes, conferindo uma nova dinâmica para a modalidade.

Para Mariana Silva (- 63kg), atleta da seleção brasileira e que representa o Minas Tênis Clube, o modo de disputa do Grand Prix é um diferencial empolgante.
- As competições por equipes servem para unir os times. É muito bom saber que você não está sozinha no tatame. Todas lutam juntas a cada combate, nos fortalecemos e essa sensação é muito boa. Você está buscando uma conquista junto com os seus parceiros de treino, que se superam todos os dias com você no tatame do Clube. Todos querem dar o seu melhor - disse.

O Grand Prix Nacional Interclubes 2016 será disputado por oito equipes: Associação Atlética Judô Futuro, Esporte Clube Pinheiros, Grêmio Náutico União, Judô Comunitário Instituto Reação, Minas Tênis Clube, Sociedade Esportiva Palmeiras, Secretaria de Esporte e Lazer de São José dos Campos e Sogipa, que serão representadas por 74 judocas. Entre as atletas está a campeã olímpica Rafaela Silva, a medalhista Mayra Aguiar e outros importantes nomes do cenário nacional e mundial.

Por conta do formato de disputa, as categorias seguem uma divisão diferente. Por isso, algumas das principais atletas brasileiras podem acabar se enfrentando. Com a reunião de grandes atletas em um só evento, o Grand Prix será muito forte nesta temporada.

- Todas as equipes do Grand Prix 2016 estão bem equilibradas. Vai ser uma competição bem forte, mas acredito em nossas capacidades. Estamos muito confiantes que a equipe do Minas está pronta para trazer esse título. Vamos, com certeza, dar o nosso melhor - destacou Mariana Silva.

Os combates, na Bahia, começarão, neste sábado, com a disputa da 1ª fase a partir das 9h (horário de Brasília). No período da tarde, a partir das 16h, serão definidas as posições do 5º ao 8º lugar e as semifinais. No domingo, 20, as disputas de medalhas começam às 13h, com transmissão ao vivo pelo SporTV.